Coronavírus: O dia em revista

PorExpresso das Ilhas,28 mar 2020 19:06

Estado de emergência foi declarado este sábado
Estado de emergência foi declarado este sábado

Confirmado mais um caso positivo em Cabo Verde, a informação chegou ao final da tarde deste sábado. São 6 os infectados pela Covid-19 no arquipélago

De um total de 16 análises feitas, 13 em Santiago e 3 na Boa Vista, um dos casos suspeitos na ilha das dunas acabou por revelar-se positivo, trata-se de um técnico de manutenção do hotel Karamboa, que já estava em quarentena. Os outros dois testes na Boa Vista deram negativo, assim como 11 das análises em Santiago deram igualmente negativos. Os outros dois casos testados em Santiago revelaram-se inconclusivos, pelo que as análises serão feitas novamente.

Também este sábado foi declarado o Estado de Emergência em todas as ilhas. Numa comunicação ao país, o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca alegou que "neste momento em que o mundo e Cabo Verde são assolados por uma pandemia, provocada pelo COVID 19, que a todos ameaça, com o seu cortejo de sofrimento e destruição, com graves implicações sociais, somos chamados a unir esforços, a apelar ao nosso espírito patriótico, para enfrentar e vencer este desafio muito complexo e difícil".

No fim, um desabafo, “nunca pensei, desde que sou presidente, que alguma vez na vida fosse eu a decretar o Estado de Emergência no meu país".

Estado de Emergência vai incidir, temporariamente, sobre o direito à liberdade, incluindo o direito à deslocação e à emigração, o direito ao trabalho e os direitos dos trabalhadores; os direitos à propriedade e à iniciativa económica privada; os direitos de reunião e de manifestação; e a liberdade de culto.

O instrumento constitucional, usado pela primeira vez na história do país, foi decretado Presidente da República, vigora a partir das 00h00 horas de 29 de Março até às 24h00 do dia 17 de Abril.

Em África

A directora regional da Organização Mundial da Saúde (OMS) para África alertou sobre a "evolução gravíssima" da epidemia de COVID-19 no continente, onde já existem cerca de 40 países afectados, enquanto há um mês só havia um.

Segundo um balanço da AFP, com base em fontes oficiais, esta sexta-feira foram registados 3.300 casos e mais de 90 mortes em África.

Em Portugal

As infecções pelo novo coronavírus já mataram 100 pessoas em Portugal, um acréscimo de 24 óbitos em relação a sexta-feira. De acordo com o boletim da Direcção-Geral da Saúde, emitido este sábado, o país conta com 5170 casos positivos, de um total de 32.754 casos suspeitos registados desde o dia 2 de Março. Mantém-se o número de doentes recuperados: 43.

Os números globais

Mais de 600.000 casos do novo coronavírus foram oficialmente declarados em todo o mundo desde o início da pandemia, estando confirmadas quase 29 mil mortes, segundo um levantamento feito este sábado pela agência de notícias AFP junto de fontes oficiais.

Os casos de infecção foram detetados em 183 países e territórios, em particular nos Estados Unidos (104.837 casos, dos quais 1.711 mortes), na Itália (86.498), o país mais atingido em número de mortes (9.134), e na China (81.394 casos, dos quais 3.295 mortos), o foco inicial do contágio.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,28 mar 2020 19:06

Editado porSara Almeida  em  20 out 2020 23:20

pub.
pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.