Cabo Verde garante condições para testes a viajantes em menos de 72 horas

PorExpresso das Ilhas, Lusa,3 jul 2020 8:24

As autoridades de saúde anunciaram esta quinta-feira que os passageiros de um voo sanitário que partiu na quarta-feira para Lisboa já levaram resultados de testes à COVID-19, tendo o país capacidade para os realizar em menos de 72 horas.

“Os passageiros [do voo de 01 de Julho] já levaram os resultados dos testes que foram feitos no mesmo dia (…). O país tem capacidade para realizar estes testes em menos de 72 horas”, explicou a presidente do INSP, Maria da Luz, que falava na habitual conferência de imprensa diária sobre a progressão da pandemia no arquipélago.

Além da Praia e de São Vicente, o Governo cabo-verdiano já anunciou que pretende instalar laboratórios para reforçar a capacidade de diagnóstico nas ilhas do Sal, da Boa Vista e um segundo na capital.

O Governo português autorizou, desde 01 de Julho, o tráfego aéreo com destino e a partir de Portugal de todos os voos de e para os países que integram a União Europeia, dos países associados ao Espaço Schengen (Liechtenstein, Noruega, Islândia e Suíça) e do Reino Unido.

Os passageiros dos voos provenientes dos países de língua oficial portuguesa – bem como dos Estados Unidos – têm de apresentar, no momento da partida, comprovativo de teste à COVID-19, com resultado negativo, realizado nas últimas 72 horas antes do embarque, “sob pena de lhes ser recusada a entrada em território nacional”, anunciou o executivo português.

Cabo Verde suspendeu em 19 de Março todas as ligações aéreas internacionais, para conter a progressão da pandemia de COVID-19 no arquipélago, autorizando apenas voos sanitários. A suspensão deveria ser levantada este mês, mas o Governo já anunciou a prorrogação da medida até Agosto.

Cabo Verde regista um acumulado de 1.301 casos diagnosticados de COVID-19 desde 19 de Março, com 15 óbitos, mas 643 já foram dados como recuperados.

A pandemia de COVID-19 já provocou mais de 516 mil mortos e infectou mais de 10,71 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em África, há 10.390 mortos confirmados em mais de 420 mil infectados em 54 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia no continente.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,3 jul 2020 8:24

Editado porSara Almeida  em  25 nov 2020 23:21

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.