Laboratórios públicos reforçados com extractor automático e sequenciador

PorSheilla Ribeiro,4 jan 2021 18:05

A presidente do Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP), Maria da Luz Lima, informou hoje que os laboratórios públicos foram reforçados com extractor automático e um sequenciador. Conforme explicou, o extractor automático permite fazer a extracção de 92 amostras em 25 minutos, enquanto o sequenciador permite detectar se há alguma mutação no vírus.

Maria da Luz Lima que falava em conferência de imprensa sobre a situação epidemiológica no país, avançou ainda que os dois equipamentos custaram cerca de 18 mil contos.

O extractor, segundo disse, já está em funcionamento e vai permitir reduzir o tempo de resposta dos exames. Entretanto, continuou, o sequenciador está em fase de instalação uma vez que o INSP está a espera de reagentes.

“O sequenciador também é muito importante porque vai permitir conhecer o tipo de vírus que está a circular no país, vai permitir detectar se há alguma mutação, se há importação de vírus mutantes ou com estirpes com mutação que podem vir a circular no país, vai permitir contornar outras doenças virais que causam a gripe, hepatite B, hepatite C ou HPV e também no futuro irá para a implementação de outros exames para detectar doenças novas e doenças crónicas ou outras doenças infecciosas que podem causar o cancro”, declarou.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,4 jan 2021 18:05

Editado porSheilla Ribeiro  em  17 jan 2021 23:20

pub.
pub.
pub.
pub
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.