"Festas realizadas em São Vicente não cumpriram as regras sanitárias" - Delegado de Saúde

PorLourdes Fortes, Rádio Morabeza,12 jan 2021 15:45

1

Delegacia de Saúde de  São Vicente
Delegacia de Saúde de São Vicente (Rádio Morabeza)

O delegado de saúde em São Vicente manifesta-se preocupado com a situação epidemiológica em São Vicente, ilha que na última semana registou mais de 220 casos de infecção por SARS-CoV-2. Elísio Silva pede que seja decretado o estado de calamidade, para que se possa travar a propagação da infecção. Época festiva com incumprimento de regras sanitárias.

“Já fiz o pedido ao ministro da Saúde. Saímos do final de ano, entramos no Carnaval e já há informações de preparação de festas de Carnaval para grupos. Então , é a minha opinião, de acordo com a nossa situação, embora caiba aos governantes decidir. Neste momento, seria essencial, para travar a propagação do novo coronavírus em São Vicente, limitando festas, bares e restaurantes e manter as pessoas o máximo de tempo possível nas suas casas”.

Todas as zonas da ilha registam casos activos de infecção. O delegado de saúde critica as festas realizadas durante a quadra festiva e sublinha que contribuíram para o actual quadro epidemiológico…

“Não é possível controlar as festas no seio das famílias. A polícia não consegue controlar isso. Claramente, as festas realizadas em São Vicente não cumpriram as regras sanitárias e se não cumprem não podemos dar-lhes oportunidade para fazerem mais festas, nem para o Carnaval, nem para o dia dos namorados”, aponta.

O responsável local de saúde pública falava hoje à imprensa, para apresentação da evolução epidemiológica de 4 a 10 de Janeiro. Neste momento, e de acordo com a actualização de ontem, a ilha contabiliza 198 casos activos de covid-19. Há 7 pessoas internadas no hospital. Cerca de 1000 pessoas estão em quarentena, entre casos positivos e contactos próximos.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Lourdes Fortes, Rádio Morabeza,12 jan 2021 15:45

Editado porAndre Amaral  em  20 jan 2021 18:19

1

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.