Jorge Noel Barreto confirma que a situação epidemiológica vem piorando nos últimos dias

PorDulcina Mendes,3 jan 2022 20:25

O director Nacional de Saúde reconhece que a situação epidemiológica nos últimos dias vem piorando com o aumento exponencial de números de casos de COVID-19 no país.

Jorge Noel Barreto disse hoje na habitual conferência de imprensa que a taxa de incidência acumulada a nível nacional é de 810 casos por 100 mil habitantes. 

“Com a evolução diária que fomos tendo conhecimento, houve uma piora significativa. Neste momento apenas temos um concelho que tem uma taxa de incidência acumulada entre 25 e 150 casos por 100 mil habitantes que é Tarrafal de Santiago que tem 83 casos por 100 mil habitantes. Os restantes concelhos têm uma taxa de incidência acumulada muito superior a 150 por 100 mil habitantes”, indica.

Em relação a pessoas internadas disse que neste momento há um total de 25 doentes internados nas estruturas de saúde. “No hospital Agostinho Neto há 7 pessoas internadas, sendo que uma dessas pessoas requer mais cuidados, no hospital Baptista de Sousa há 5, no hospital Santa Rita Vieira 4, no hospital Ramiro Figueira 1, no hospital São Francisco de Assis, no Fogo 1, no hospital João Morais, em Santo Antão 5 e no Centro de Saúde de São Miguel 2”.

Segundo o Director Nacional de Saúde dos 25 internados, 16 têm 60 ou mais anos de idade. “19% Das pessoas que estão internadas estão completamente vacinadas. A maioria dessas pessoas estão estáveis e pode ser que a vacinação tenha contribuído para isso, tendo em conta que mais de metade das pessoas que estão internadas são pessoas que têm mais de 60 ou mais anos de idade”.

Cabo Verde ainda não tem a confirmação de que a variante Ómicron esteja a circular no país e para o Director Nacional de Saúde o aumento de internados pode ser o indício de que essa variante já esteja a causar todo este descontrolo epidemiológico, “embora ainda não tenhamos a confirmação laboratorial que é o que nos falta para fechar aqui essa hipótese mais do que provável”.

“Apesar do óbito que tivemos no final de semana, podemos ver que esta comparação em termos de pessoas internadas não tem um impacto expressivo, embora seja um pouco cedo, porque como sabemos a situação descontrolou-se há pouco mais de dez dias”, assegura.

Jorge Noel Barreto apelou ao cumprimento das medidas de prevenção e protecção, “devem continuar a ser obedecidas com rigor, e a vacinação que devemos continuar a procurar, para estarmos mais protegidos”.

Em termos de casos suspeitos disse que há notificação de 164, nas últimas 24 horas, sendo em Santa Catarina de Santiago tem 64, Tarrafal de Santiago 4, São Miguel 25, Santa Cruz 23, São Lourenço dos Órgãos 11 e Sal 37.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Dulcina Mendes,3 jan 2022 20:25

Editado porAndre Amaral  em  16 jan 2022 23:21

pub.

pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.