Inquérito à população estrangeira e imigrante arranca na próxima semana

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,8 ago 2022 11:13

Carmem Barros, Fernando Rocha
Carmem Barros, Fernando Rocha Rádio Morabeza

Cerca de 5,4 mil contos contos é quanto deverá custar o inquérito à população estrangeira e imigrante residente em Cabo Verde. O inquérito é realizado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), conjuntamente com a Alta Autoridade para a Imigração e arranca na próxima segunda-feira, prolongando-se durante quinze dias.

O vice-presidente do INE, Fernando Rocha, em declarações aos jornalistas à margem da formação dos inquiridores.

"Vamos utilizar cerca de 43 agentes de terreno entre inquiridores e supervisores. Será um inquérito por amostragem, a nível nacional", reforça.

De acordo com a Presidente da Alta Autoridade para a Imigração, Carmem Barros, o foco do inquérito é conhecer melhor as características sociodemográficas dos imigrantes e aprofundar o conhecimento em aspectos não mensuráveis através de outros eventos estatísticos do INE.

"Queremos também, por outro lado, reforçar as estatísticas oficiais relativamente à imigração em Cabo Verde. Aprofundar os conhecimentos sobre as características, o processo de integração, a forma de entrada, o perfil sócio-laboral, o sentimento de integração, o sentimento de descriminação. São vários aspectos que serão cobertos através deste inquérito e que nos permitirão uma visão mais clara daquilo que é a situação das comunidades estrangeira imigrantes em Cabo Verde", avança.

Para a realização do inquérito à população estrangeira e imigrante em Cabo Verde, o Instituto Nacional de Estatística (INE), conjuntamente com a Alta Autoridade para a Imigração, está a formar 43 agentes de terreno, entre inquiridores e supervisores.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,8 ago 2022 11:13

Editado porAndre Amaral  em  28 set 2022 23:28

pub.
pub.
pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.