​Cabo Verde e Hungria assinam hoje pacote financeiro de 35 milhões de euros

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,28 mar 2019 7:04

Ulisses Correia e Silva e Viktor Orbán
Ulisses Correia e Silva e Viktor Orbán

Cabo Verde assina hoje com a Hungria um pacote de financiamento de 35 milhões de euros, para implementar o projecto de dessalinização de água para agricultura, utilização de águas residuais e novas técnicas de irrigação. O anúncio foi feito quarta-feira pelo primeiro-ministro.

Ulisses Correia e Silva explica que é mais uma acção do seu executivo para tornar o país menos dependente das chuvas, e ter mais alternativas no fornecimento e mobilização de água.

“Vamos assinar o pacote de 35 milhões de euros para plicar nesse sector de água para conseguirmos encontrar soluções alternativas: dessalinização, reutilização de águas residuais, novos métodos na irrigação, utilizar melhor os recursos subterrâneos que existem no país, para que se chover podermos dar graças á Deus, se não chover podermos continuar a trabalhar da mesma forma sem os impactos das emergências que temos tido até agora”, anuncia.

Os 35 milhões de euros disponibilizados pela Hungria foram anunciados, antes, a 23 de Janeiro deste ano, pelo Ministro da Agricultura e Ambiente, Gilberto Silva.

O pacote financeiro vai ser assinado entre o Governo de Cabo Verde e o primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orbán, que se encontra de visita ao país.

Em nota de imprensa, o Governo aponta a Hungria como uma parceira antiga de Cabo Verde, país com o qual as relações bilaterais datam desde a independência do arquipélago. Entre as áreas de cooperação o executivo destaca a Educação Superior, com a disponibilização de várias bolsas de estudo, “contribuindo para que um número razoável de estudantes cabo-verdianos pudesse realizar estudos superiores naquele país”.

“No entanto, essa relação sofreu algum enfraquecimento a partir dos anos 90, sendo que, actualmente, Cabo Verde tem todo o interesse em reactiva-la, em novos moldes com vista a estabelecer uma relação de novo tipo com a Hungria, com foco nas áreas político- diplomática, económico-comercial e técnico-científica, de investimentos e financeira”, lê-se no documento.

A visita do Primeiro-Ministro da Hungria começou ontem e termina hoje. De acordo com a agenda, Viktor Orbán terá um encontro com Ulisses Correia e Silva, além de uma reunião de trabalho alargada, com vários elementos do executivo.

Ainda hoje serão assinados quatro instrumentos jurídicos, nomeadamente o acordo geral de cooperação económico e técnico, carta de intenções relativa às negociações do acordo para evitar a dupla tributação e a prevenção da evasão fiscal em matéria de impostos sobre o rendimento, o acordo de promoção e protecção reciproca de investimentos e o acordo sobre o estabelecimento de programa-quadro para cooperação financeira.

Também vai ser apresentado o novo Cônsul Honorário de Cabo Verde em Hungria, Peter Vandor.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,28 mar 2019 7:04

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  18 jun 2019 23:22

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.