Ratificadas convenções que evitam dupla tributação com Espanha e Senegal

Bandeira de Espanha
Bandeira de Espanha

O Presidente da República ratificou a Convenção entre Cabo Verde e o Reino de Espanha, assim como a estabelecida entre o arquipélago e o Senegal sobre a dupla tributação, anunciou ontem Jorge Carlos Fonseca.

Numa publicação feita na tarde de segunda-feira na sua página na rede social Facebook, o chefe de Estado recorda que os acordos têm como finalidade evitar a dupla tributação e prevenir a evasão fiscal em matéria de impostos sobre o rendimento.

Com o Reino de Espanha, o acordo foi assinado em Junho de 2017 pelo ministro dos negócios Estrangeiros e Comunidades, Luís Filipe Tavares, durante a sua visita aquele país ibérico.

Com este Acordo de Dupla Tributação (ADT), e à semelhança de convenções já estabelecidas, ficam eliminadas diferentes situações de dupla tributação, designadamente no que diz respeito aos impostos sobre os rendimentos. A carga fiscal é aliviada para os contribuintes que decidam residir num dos países, e para os empresários que desenvolvam actividades internacionais, fomentando assim as relações económicas entre os países e aumentando a competitividade dos operadores.

Com o Senegal, o ADT foi rubricado, em Abril de 2018 pelo ministro dos Negócios Estrangeiros e da Defesa, Luís Filipe Tavares, e o seu homólogo senegalês, Sidiki Kaba, na presença dos chefes de Estado dos dois países.

Na mesma publicação, Jorge Carlos Fonseca anuncia que ratificou também o tratado que cria a Zona Livre de Armas Nucleares em África – o tratado de Pelindaba, assinado no Cairo, Egipto.

Em análise política continua o diploma que define a pensão financeira mensal a atribuir às vítimas de tortura e maus tratos ocorridos em São Vicente e Santo Antão nos anos 1977 e 1981, respectivamente.

O documento foi aprovado no Parlamento, a 29 de Junho, com votos favoráveis do MpD e da UCID, e contra do PAICV.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Rádio Morabeza, Expresso das Ilhas,20 ago 2019 8:06

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  9 dez 2019 23:21

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.