MpD promove “Debates Estratégicos 2022” com foco nas mudanças face à conjuntura actual

PorInforpress, Expresso das Ilhas,24 mai 2022 14:56

O Movimento para a Democracia promove no próximo dia 31 o primeiro ciclo de conferências “Debates Estratégicos 2022”, cujo objectivo é a promoção de ideias inovadoras e qualificar o debate político, para fazer face à conjuntura actual no país.

A informação foi avançada em conferência de imprensa pelo membro da Comissão Política Nacional do Movimento para a Democracia (MpD) Luís Carlos Silva, explicando que para este primeiro ciclo o foco está nas mudanças a nível social, económico e político, mas também a nível da educação e da academia.

“Queremos compreender para conseguirmos adaptar com mais rapidez as medidas e fazer frente a essas mudanças”, assinalou.

Conforme o dirigente do partido no poder, o MpD, com 32 anos e que já cumpriu todo o ciclo democrático, quer a nível central quer a nível local, tem “responsabilidades acrescidas”, não só pelo seu “marcante passado”, mas também pelo papel que ambiciona assumir no futuro.

No seu entender, o partido “assumiu com determinação” e “entrega total” à responsabilidade de tudo fazer para acelerar a caminhada do país e garantir a realização da Agenda 2030 dos cabo-verdianos e assim, o desenvolvimento sustentável do arquipélago.

“Assumimos também, com firmeza, a responsabilidade de liderar a recuperação do país no pós-pandemia e as crises subsequentes”, indicou, sublinhando ainda o compromisso na reforma do Estado e da Administração Pública, incluindo a segurança social e mais e melhores condições para o desenvolvimento do sector.

Neste sentido, avançou, o ciclo de conferências “Debates Estratégicos 2022” acontece justamente para ajudar na efectivação desta agenda em total abertura com a sociedade.

“Debates Estratégicos 2022 visa a promoção de ideias inovadoras, aprofundar e qualificar o debate político, bem como a consolidação do espaço político-ideológico do MpD e especialmente a produção de conhecimentos”, sustentou.

Luís Carlos Silva informou ainda que o propósito é fazer desses ciclos de debates um momento de assessoria, pois, acrescentou, o MpD pretende “gerar conteúdo e soluções” que ajudem a enfrentar este momento, mas também que possa estar na frente relativamente às questões do futuro.

“O primeiro ciclo vai se realizar no dia 31 de Maio, tem como foco nas mudanças que este contexto está a impor, com ênfase no sector privado, nas mudanças sociais e na academia”, disse, revelando o que o evento terá como oradores Marques Mendes, Marcos Rodrigues e Eurídice Monteiro.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Inforpress, Expresso das Ilhas,24 mai 2022 14:56

Editado porAndre Amaral  em  5 out 2022 23:28

pub.
pub.
pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.