Cabo Verde passa a contar com mais um laboratório de virologia na próxima semana

PorInforpress,30 set 2020 8:08

laboratório de virologia
laboratório de virologia

O ministro da Saúde e da Segurança Social, Arlindo do Rosário, disse esta terça-feira que, a partir da próxima semana, o país passará a contar com mais um laboratório de virologia que será instalado na cidade da Praia.

Arlindo do Rosário fez este anuncio à imprensa, à margem da cerimónia de assinatura do Acordo de Aquisição Conjunta de medicamentos e outros produtos médicos entre os Pequenos Estados Insulares em desenvolvimento da região africana.

Conforme explicou, na próxima semana, mais concretamente na segunda-feira, 05, o país vai contar com mais um laboratório, numa parceria com a Universidade de Cabo Verde, instalada na capital.

“Em Cabo Verde teremos seis laboratórios e seis meses atrás não tínhamos nenhum, isso mostra um esforço enorme que está sendo realizado”, destacou.

Segundo o governante o país está a realizar mais de três mil testes por semana, “num esforço económico elevado”, apontando, nesta linha, um valor superior a 100 mil contos.

A Cidade da Praia continua como principal foco de contágio no arquipélago e, de acordo com Arlindo do Rosário, vão ser reforçadas algumas medidas, nomeadamente, o acompanhamento das pessoas que fazem internamento domiciliar, diminuindo assim eventuais casos de incumprimento e alargar a realização de testes.

Entretanto, realçou que esta luta só será vencida com a contribuição de todos, ou seja, a população tem que assumir sua responsabilidade a nível do comportamento.

“É é um trabalho que tem que ser assumido pela população também, mas nós acreditamos que vamos conseguir baixar os níveis de contágio”, frisou.

De acordo com os dados do Ministério de Saúde e da Segurança Social o país tem, neste momento, 622 casos activos, 59 óbitos, 5228 pessoas recuperados, perfazendo um total acumulado de 5.900 casos positivos.

A pandemia do novo coronavírus já causou pelo menos 1.002.036 mortos em todo o mundo desde que a doença foi conhecida em Dezembro, na China, indicou hoje um balanço da AFP.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Inforpress,30 set 2020 8:08

Editado porSara Almeida  em  31 out 2020 23:21

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.