Afrobasket’2021: Selecção de Cabo Verde partiu esta madrugada para Egipto

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,23 nov 2020 7:12

A selecção cabo-verdiana de basquetebol sénior masculina partiu na madrugada desta segunda-feira com destino ao Egipto, para a disputa da primeira fase das eliminatórias de qualificação para o Afrobasket’2021 que se realiza de 27 a 29 do corrente.

De acordo com a programação da Federação Cabo-verdiana de Basquetebol, para esta viagem a comitiva cabo-verdiana, que viaja parcialmente de Cabo Verde com equipa técnica e parte dos jogadores, fará escalas em Lisboa e Istambul, para acolher os restantes convocados, antes rumar para Alexandria (Egipto).

De Cabo Verde, a caravana da selecção integra cinco atletas, designadamente, Fidel Mendonça, Joel Almeida, Patrick Abreu, Anderson Correia (este a jogar em Portugal, mas que desde a vinda da selecção dos Camarões trabalha na Praia) e Michel, (este com residência nos EUA) jogadores que vêm trabalhando com o seleccionador na capital cabo-verdiana há 15 dias para este compromisso internacional.

O seleccionador de Cabo Verde da modalidade já avançou em entrevista a Inforpress que Cabo Verde vai para este evento com expectativa acrescida, para conquistar os objectivos propostos, que é a qualificação para a próxima etapa, de forma que Cabo Verde consiga estar na fase final do Afrobasket.

Emanuel Trovoada admite que Cabo Verde vai encontrar equipas de topo africano e habituadas a estar nas grandes montras como Egipto, Marrocos, num grupo ainda constituído por Ruanda, mas mostra-se confiante no trabalho e na união no seio da turma crioula.

À Inforpress prometeu fazer o melhor, com o argumento que tudo irá depender da prestação do esforço, dedicação e empenho da turma cabo-verdiana, que a seu ver, tem estado a ser brilhante, para ultrapassar as barreiras, asseverando que o foco do grupo está fortemente apostado em, conseguir uma vaga para o Afrobasket’2021.

Em relação aos atletas internacionais que militam no estrangeiro, Mané mostrou-se alguma preocupação pela lesão contraída (entorse) este sábado, pelo atleta Shane, no jogo da Liga da Espanha, onde compete, mas realçou que está a ser acompanhado pela equipa médica do clube e que o médico da selecção já recebeu a respectiva radiografia para ver se até 27 consegue estar em boas condições.

De resto realçou que todos os disponíveis estão mentalizados para ajudar Cabo Verde a ultrapassar mais esta barreira, depois do feito alcançado em Camarões, onde se qualificou em Outubro, para o torneio do Egipto.

A selecção cabo-verdiana, de acordo com a calendarização da FIBA África, inicia a sua caminhada nesta segunda fase a 27 do corrente frente ao Uganda, para no dia seguinte defrontar o Uganda e terminar a competição a 29, no confronto com os anfitriões do Egipto.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,23 nov 2020 7:12

Editado porAndre Amaral  em  27 jul 2021 23:21

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.