Cabo Verde Airlines já voa para Washington D.C.

PorExpresso das Ilhas, Lusa,9 dez 2019 10:25

O ministro do Turismo e Transportes, José Gonçalves, afirmou que a inauguração dos voos da Cabo Verde Airlines (CVA) para Washington marca o arranque "de forma estruturante" do 'hub' aéreo na ilha do Sal.

"Hoje [sábado] começa de forma estruturante o 'hub' aéreo, porque vamos para além daquilo que tem sido o nosso mercado tradicional, que era Boston e Providence, a Costa Leste, agora vamos para Washington. E este voo marca a partida para o hub aéreo", salientou o ministro, que falava no aeroporto internacional Amílcar Cabral, na ilha do Sal, no baptismo dos voos da Cabo Verde Airlines para Washington, nos Estados Unidos.

O governante frisou ainda que o país está a iniciar "uma nova etapa", após mais de 30 anos com voos regulares da então companhia aérea pública Transportes Aéreos de Cabo Verde (TACV) para os EUA, mais concretamente para Boston.

"Inicia-se uma nova era na relação de Cabo Verde com os Estados Unidos", completou José Gonçalves, que sublinhou o facto de um dos passageiros do voo inaugural ser o embaixador dos Estados Unidos em Cabo Verde, John Jefferson Daigle.

"Cabo Verde está muito bem posicionado. Temos as condições estabelecidas em termos de infraestruturas no país, com quatro aeroportos certificados, dois dos quais o último ponto de partida para os Estados Unidos, um quadro regulador sólido e bem reconhecido internacionalmente, e a nossa companhia que goza de certificação para viajar directamente para os Estados Unidos", enfatizou o titular da pasta do Turismo e Transportes.

Segundo informações reveladas pela Cabo Verde Airlines, o voo inaugural decorreu este domingo, dia 8 de Dezembro, e partiu do Aeroporto Internacional Amílcar Cabral, no Sal, às 09h30 locais, aterrando no Aeroporto Internacional de Washington-Dulles, às 14h00 locais.

Antes de partir, Jens Bjarnason, CEO da Cabo Verde Airlines, em declarações à assessoria de imprensa da companhia aérea, enalteceu o início da ligação à capital dos Estados Unidos da América.

“Estamos muito satisfeitos por lançar a nova rota para Washington, D. C.”, disse Jens Bjarnason. “A região da capital dos Estados Unidos da América tinha poucas ligações de serviços aéreos com África, o que dá a esta nova rota um grande potencial de sucesso.”

A rota irá operar três vezes por semana, aos domingos, quartas e sextas-feiras com partida da ilha do Sal e às segundas, quintas-feiras e sábados a partir de Washington, D. C.

Todos os voos terão ligação à ilha do Sal, hub internacional da Cabo Verde Airlines de onde será possível fazer ligação aos destinos da companhia em Cabo Verde, no Brasil (Fortaleza, Recife e Salvador), Senegal (Dakar), Nigéria (Lagos) e Europa (Lisboa, Paris, Milão e Roma).

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,9 dez 2019 10:25

Editado porSara Almeida  em  30 ago 2020 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.