Destaques da edição 941

PorExpresso das Ilhas,11 dez 2019 0:16

Nesta edição, o Expresso das Ilhas destaca a entrevista com Sara Pires, Presidente do Conselho de Administração da RTC: “Não há independência maior de uma empresa do que a independência financeira”.

Há mais de três anos a comandar a Rádio e Televisão da Cabo Verde, Sara Pires, traça o retrato actual da maior empresa de comunicação social do país. Do frágil cenário financeiro, aos desafios constantes, passando, pelos novos projectos, como o novo estúdio de RCV na Praia ou a plataforma RTC mobile vários foram os temas desta conversa que teve como ponto de partida o Plano Estratégico 2018-2021. Perdão, 2019-2022. Perdão... Investimentos e intervenções sempre adiados.

Também neste número, Peter Thomson, Enviado Especial do Secretário-Geral das Nações Unidas para o Oceano: “Se continuarmos neste caminho, deixaremos um planeta com muito pouca qualidade”. Enviado Especial do Secretário-Geral das Nações Unidas para o Oceano, Peter Thomson passou pelo Mindelo a propósito da Cabo Verde Ocean Week. Em entrevista exclusiva ao Expresso das Ilhas, o diplomata defende a necessidade de acção imediata para a garantir que as próximas gerações poderão continuar a habitar este planeta. Porque a urgência climática nos convoca a todos para uma mudança de atitude, pede que os políticos pensem além dos ciclos eleitorais e recorda que “somos eleitores, mas também somos consumidores”.

Porto Inglês: Centro Interpretativo das Salinas do Maio é oportunidade para desenvolvimento turístico e económico. Quem chega de barco ao Maio não pode deixar de reparar que logo ali ao pé do cais nasceu um edifício entre o mar e as salinas do Porto Inglês. Incluído num projecto mais alargado de redinamização e requalificação das salinas, o Centro Interpretativo das Salinas do Maio quer trazer à ilha uma nova dinâmica turística e económica.

Gala Cabo Verde Sucesso: Presidente da República promete atenção especial aos emigrantes carenciados. Durante o seu discurso, Jorge Carlos Fonseca disse que os cabo-verdianos são uma rede de pessoas, que tem, no seu seio, gente altamente qualificada, gente integrada, que tem como referência um exíguo território e uma cultura em transformação que extravasa esse espaço e amplia esse território. Entretanto, lembrou, não se pode esquecer os desempregados “amontoados em subúrbios, os excluídos”.

Orçamento do Estado: Avales e garantias a privados aumentam um milhão de contos. O OE2020 vai ao parlamento, para discussão e aprovação na especialidade, na próxima sessão que decorre entre os dias 11 e 13 deste mês.

Programa de Plataformas para o Desenvolvimento Local: O longo processo de mudar as mentalidades. Tornaram-se um canal de diálogo entre poder local, sociedade civil e sector privado e é mais um instrumento de descentralização e de decisão. O trabalho iniciado há cerca de três anos é actualmente visível nos projectos de impacto finalizados, nos que surgem de novo e na expansão do número de plataformas que já existem ou estão em fase de criação. Hoje, todos os municípios têm nestas estruturas parceiros para debater as prioridades para o desenvolvimento sustentável.

No interior, a opinião de do embaixador norte-americano Jeff Daigle, Construindo 200 anos de laços históricos entre os Estados Unidos da América e Cabo Verde; de Dina Salústio, Literaturas em tempo de resistência; e de Moacyr Rodrigues, Breves notas sobre a história da morna.

Ainda com esta edição do Expresso das Ilhas, o terceiro volume da colecção: Morna - Música rainha de nôs terra, livro e CD, já nas bancas.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,11 dez 2019 0:16

Editado porSara Almeida  em  30 mar 2020 23:21

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.