Destaques da edição 1002

PorExpresso das Ilhas,10 fev 2021 0:02

Esta semana a manchete é dedicada ao início da vacinação, em Cabo Verde, contra o HPV.

Há muitos anos que Cabo Verde tinha a intenção, plasmada em vários documentos e planos, de introduzir a vacina contra o Vírus do Papiloma Humano (VPH, ou HPV do inglês) no país. Finalmente, passou-se da vontade à prática, com o acto, esta segunda-feira, de lançamento da introdução desta vacina. Para assinalar o marco, sem esquecer o percurso, fomos aos arquivos do Expresso das Ilhas, revisitar algumas peças que falam do cancro do colo do útero e sua prevenção: a vacina.

Outro dos destaques principais é a entrevista com o ministro Elísio Freire que tem, entre outras, as pastas da Família e Inclusão Social.

Fernando Elísio Freire assumiu as pastas da Família e Inclusão Social após a saída de Maritza Rosabal. Nesta entrevista explica como a COVID-19 veio condicionar o trabalho desenvolvido até Março do ano passado e garante que até 2023 mais pessoas vão deixar de fazer parte dos grupos mais frágeis do Cadastro Social Único e, por isso, deixar de precisar de assistência do Estado. Nas políticas direccionadas à família garante que há abertura do governo para negociar com os parceiros sociais o alargamento da licença de maternidade e a criação da licença de paternidade.

Chamada de primeira página, também, para o trabalho remoto uma nova forma de trabalho que a pandemia de COVID-19 veio potenciar.

A atracção de trabalhadores remotos é a nova competição entre ilhas tropicais para tentarem compensar as quebras do mercado onde, antes da pandemia, davam cartas: o turismo. Cabo Verde também entrou nessa corrida.

Também o sector das pescas merece destaque na primeira página nesta edição do Expresso das Ilhas.

No texto da edição desta semana os homens do mar renovam apelos enquanto a Associação de Armadores se mostra confiante no futuro do sector pesqueiro nacional.

No que respeita à COVID-19 há a destacar que a taxa de incidência a nível nacional está em 155 casos por 100 mil habitantes enquanto de 11 a 24 de Janeiro esta taxa era de 195 por 100 mil habitantes. Com um óbito registado esta terça-feira em São Vicente, sobe para 137 o número de vítimas mortais do novo coronavírus.

A ler igualmente a opinião de Silvino Lima com ‘O refazer-se do tombo pandémico e a preparação para novos combates’

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,10 fev 2021 0:02

Editado porAndre Amaral  em  5 mai 2021 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.