Mais 34 casos de COVID- 19 em Cabo Verde

Presidente senegalês Macky Sall reeleito à primeira volta

PorExpresso das Ilhas, Lusa,25 fev 2019 9:34

Macky Sall
Macky Sall

O presidente senegalês Macky Sall foi reeleito à primeira volta, com "pelo menos 57 por cento" dos votos, nas eleições presidenciais de domingo, anunciou hoje o primeiro-ministro, Mahammed Boun Abdallah Dionne.

"Os resultados permitem-nos dar os parabéns ao presidente Macky Sall pela sua reeleição", disse Dionne, que falava à meia-noite na sede da coligação presidencial, em Dacar, citado pela agência de notícias francesa France-Presse.

A agência de notícias espanhola EFE cita também o primeiro-ministro senegalês, que anunciou Macky Sall como vencedor, à primeira volta, das eleições presidenciais de domingo, com pelo menos 57% dos votos, salvaguardando, no entanto, que a Comissão Eleitoral do país ainda não tinha revelado os resultados oficiais provisórios.

Também os órgãos de comunicação social locais colocavam Sall na liderança às primeiras horas da contagem dos votos - mas alguns não atribuíam os 51% necessários para evitar uma segunda volta -, o que levantou duras críticas dos candidatos opositores por entenderem que só a Comissão Eleitoral pode adiantar resultados oficiais.

Às eleições presidenciais de domingo concorreram cinco candidatos, entre os quais o Presidente cessante, Macky Sall, que procurava um segundo mandato, além do ex-primeiro-ministro Idrissa Seck; do deputado Ousmane Sonko, figura relevante da oposição; do candidato do Partido da Unidade e da Liberdade (PUR), El Hadji Issa Sall, e de um candidato próximo do ex-Presidente Abdoulaye Wade (2000-2012), Madicke Niang.

Estas eleições contam com uma missão de observação da francofonia, chefiada por Patrice Trovoada, antigo presidente de São Tomé e Príncipe.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,25 fev 2019 9:34

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  15 nov 2019 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.