Forças russas e separatistas chegam à fronteira administrativa de Lugansk

PorExpresso das Ilhas, Lusa,10 mai 2022 8:31

1

As forças russas e os separatistas da região ucraniana de Lugansk chegaram à fronteira administrativa desta autoproclamada república no leste da Ucrânia, anunciou hoje o Ministério da Defesa russo.

Segundo o porta-voz do ministério, o major-general Igor Konashénkov, as milícias de Lugansk, apoiadas por tropas russas, atingiram este objectivo depois de um combate com "nacionalistas" da cidade de Popasna, onde conseguiram "quebrar a defesa inimiga".

Konashénkov especificou que, durante a operação, foram eliminados "cerca de 120 nacionalistas, 13 carros blindados e 12 outros veículos" e acrescentou que um avião Su-25 ucraniano também foi abatido, na segunda-feira à noite, durante uma batalha aérea na área de Novaya Dmitrovka, na região de Kharkiv.

A defesa antiaérea russa destruiu ainda três drones e um foguete Tochka-U durante a madrugada, disseram os militares russos.

As forças russas também atingiram cinco armazéns com munições e combustível na região de Nikolaev, referiu a mesma fonte.

A Rússia lançou em 24 de Fevereiro uma ofensiva militar na Ucrânia que já matou mais de três mil civis, segundo a ONU, que alerta para a probabilidade de o número real ser muito maior.

A ofensiva militar causou a fuga de mais de 13 milhões de pessoas, das quais mais de 5,5 milhões para fora do país, de acordo com os mais recentes dados da ONU.

A invasão russa foi condenada pela generalidade da comunidade internacional, que respondeu com o envio de armamento para a Ucrânia e o reforço de sanções económicas e políticas a Moscovo.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,10 mai 2022 8:31

Editado porAndre Amaral  em  24 mai 2022 14:19

1

pub.
pub.
pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.