Câmara da Praia restringe acesso ao Mercado do Plateau

PorDulcina Mendes,19 mar 2020 14:51

No Mercado do Plateau, as vendedeiras com mais de 65 anos devem ficar em casa, será limitada a entrada e permanência dos utentes e será instituída a venda online, através do aplicativo “Gilera Cheia”, que será lançado na segunda-feira, 23.

Essas são algumas das medidas apresentadas esta quinta-feira, pelo presidente da Câmara Municipal da Praia, Óscar Santos, numa conferência de imprensa, no contexto da pandemia do novo coronavírus e plano de contingência implementado pelo Governo. 

O edil Óscar Santos avisa que estas medidas entraram em vigor a partir do dia 23 deste mês e têm a duração de três semanas, mas podem ser alargadas ou encurtadas, dependendo da evolução da pandemia. 

“São suspensos todos os eventos públicos como festivais, concertos, actividades culturais promovidas pela Câmara Municipal ou de iniciativas privadas", disse.

A Câmara da Praia suspende ainda todas as audiências presenciais e avisa que as mesmas podem ser feitas via telefone ou por correio electrónico, directamente aos Departamentos visados ou por mensagens, através de Loja online.

A lista de medidas contempla também a restrição "ao atendimento público presencial nos serviços da Câmara Municipal: Paços do Concelho, Direcção de Serviços, Edifício Técnico e Delegações Municipais, limitando o número de utentes em espaços fechados em 1/3 de capacidade”. Nos Edifício Técnico, os serviços devem ser alargados até às 18h00. 

Falando ainda nos mercados e feiras: no Mercado do Plateau será proibida a entrada e permanecia de crianças e as vendedeiras devem usar máscaras e luvas. No Mercado do Sucupira será proibida a venda de animais vivos fora ou dentro do mercado. A feira de domingo nos arredores deste mercado (o Ya) será também proibida.

Óscar Santos apela aos munícipes para não comprarem os produtos nas vendedeiras nos passeios e espaços públicos. Aliás, será reforçada a fiscalização "para evitar a venda de produtos na via pública e passeios. As vendedeiras de alimentos devem usar os lugares disponíveis existentes nos mercados, para a venda destinados a esse fim”.

Aos restaurantes, o edil praiense recomenda fazerem a entrega ao domicílio de alimentos. "Os transportes públicos devem funcionar a 50% de lotação" e deve haver uma "redução de frequência às praias de mar, principalmente aos fins-de-semana”, aconselha.   

Outras medidas implementadas: são encerrados o Ginásio Municipal do Estádio da Várzea, a Casa Primavera (destinado a crianças com deficiência), as sala de estudo nos bairros da Bela Vista e São Pedro Latada e o Pré-escolar até o dia 13 de Abril, em conformidade com a antecipação das férias escolares anunciadas pelo Governo. Fecham ainda os Centros de Dia (Casa de idosos), sendo que neste caso a assistência serão prestada ao domicílio. 

Ontem, também a Câmara Municipal de São Vicente apresentou medidas no âmbito do combate ao coronavírus. Cancelamento de actividades, encerramento de infra-estruturas desportivas e restrição de entrada no mercado do peixe, são algumas das decisões tomadas.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Dulcina Mendes,19 mar 2020 14:51

Editado porDulcina Mendes  em  28 mar 2020 21:19

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.