São Vicente/COVID-19: Evolução da pandemia obriga à suspensão temporária de visitas aos doentes no hospital

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,7 out 2020 10:47

1

A direcção do hospital Baptista de Sousa mandou suspender temporariamente as visitas e acompanhantes de doentes nos diversos serviços da instituição devido à evolução da pandemia de covid-19 no território nacional, “nomeadamente em São Vicente”.

Em comunicado datado do dia 05 e rubricado pela presidente do conselho de administração do hospital, Ana Brito, a direcção informa ainda que apenas terão acesso aos serviços hospitalares os acompanhantes dos doentes com essa necessidade específica, ou seja, menores de idade, deficientes severos e doentes terminais.

A mesma fonte referiu ainda no documento que a informação sobre os doentes internados será fornecida pelos profissionais dos respectivos serviços, através de chamadas telefónicas, sendo que devem telefonar, entre as 10:00 e as 14:30, “apenas os responsáveis pelos doentes definidos no primeiro dia de internamento”.

Da mesma forma, indicou a mesma fonte, fica temporariamente suspensa a presença de acompanhantes no bloco de partos.

O Ministério da Saúde anunciou terça-feira, 06, mais um óbito causado pela covid-19, em São Filipe, ilha do Fogo, e outras 85 infecções pelo novo coronavírus, detectadas num total de 470 resultados obtidos dos laboratórios de virologia do País.

Segundo o boletim epidemiológico, a maioria dos novos casos, 31, foi registado no concelho da Praia, os restantes estão distribuídos por Santa Catarina (27), Santa Cruz (01), São Lourenço dos Órgãos (04), Tarrafal (01), Ribeira Grande de Santiago (01), São Domingos (03), São Filipe (07), São Vicente (05), Ribeira Brava (01) e Boa Vista (04).

As autoridades sanitárias anunciaram ainda mais 108 recuperados nos concelhos das Praia (77), Ribeira Grande de Santiago (05), Santa Catarina (19), São Miguel (02), São Filipe (01), São Domingos (02) e Boa Vista (02)

Com estas actualizações, Cabo Verde passa a contabilizar 815 casos activos, 5.632 casos recuperados, 69 óbitos e dois transferidos, perfazendo um total acumulado de 6.518 casos positivos.

Pelo menos 35,5 milhões de pessoas foram infectadas em todo o mundo com o novo coronavírus desde que este foi descoberto em Dezembro na China, indicou hoje o balanço diário divulgado pela agência France-Presse (AFP).

O número de mortes associadas à doença covid-19 no mesmo período foi de 1.045.097 e pelo menos 24.571.900 pessoas foram dadas como curadas, segundo a AFP.

A AFP sublinha que o número de casos diagnosticados só reflecte, contudo, uma fracção do número real de infecções. Alguns países só testam os casos graves, outros utilizam os testes sobretudo para rastreamento e muitos países pobres dispõem de limitadas capacidades de despistagem.

Nas últimas 24 horas registaram-se 6.816 mortos e 295.836 novos casos de covid-19.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,7 out 2020 10:47

Editado porSara Almeida  em  12 mai 2021 23:21

1

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.