Voos vindos de Itália suspensos por causa do coronavírus

PorExpresso das Ilhas,26 fev 2020 20:54

2

Interdição vai ser publicada esta quinta-feira no Boletim Oficial. Decisão foi tomada em Conselho de Ministros e é válida para as próximas três semanas.

"A situação será avaliada para decisão sobre a continuidade da medida ou seu cancelamento, conforme a avaliação da evolução do coronavírus (COVID-19) em Itália", escreve o Primeiro-ministro na sua página oficial no Facebook.

Segundo a mesma fonte o governo italiano já foi "informado desta medida preventiva, temporária". A justificação está, adianta ainda o primeiro-ministro, no "facto de se ter registado um aumento exponencial de casos de pessoas infectadas pela COVID-19 em Itália, com particular incidência no norte de Itália e pelo facto de existirem ligações diárias directas entre aquele país e Cabo Verde (Sal e Boa Vista), com um afluxo anual de 30 mil turistas e com uma média de estadia de cerca de 6 dias".

No texto publicado na rede social, Ulisses Correia e Silva, destaca que perante "a situação de epidemia que está atingir vários países do mundo, é preciso sentido de responsabilidade e evitar atitudes oportunistas que nada contribuem para a prevenção e o combate de um fenómeno à escala global". 

"O Governo tem estado a acompanhar desde a primeira hora, e tem tomado as medidas que se impõem em decorrência da situação de emergência sanitária internacional declarada pela OMS", conclui.

Itália tem sido o país europeu mais afectado pela epidemia de coronavírus. Desde que começaram a surgir os primeiros casos, já morreram, naquele país do sul da Europa, 12 pessoas num total de 374 pessoas infectadas.

A nível mundial, segundo um balanço feito pela OMS durante a tarde desta quarta-feira, já foram registados 81.187 casos de infecção e 2.769 mortes

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,26 fev 2020 20:54

Editado porAndre Amaral  em  28 mar 2020 23:20

2

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.