Candidatura presidencial de Carlos Veiga será independente

PorSheilla Ribeiro,4 mar 2021 17:36

A informação foi avançada hoje por Carlos Veiga, durante a cerimónia de anúncio oficial da sua candidatura à Presidencia da República, no farol Dona Maria Pia.

“Todos sabem de onde venho no espectro político cabo-verdiano. Mas, no cumprimento da letra e do espírito da Constituição, proponho-me ser um candidato apartidário e serei um Presidente da República acima dos partidos. A minha camisola será, como aliás sempre foi, a da seleção nacional. Por isso e esta é, na sua essência, uma candidatura independente e cidadã”, anunciou.

Carlos Veiga deixou claro que apesar da sua candidatura ser independente estará sempre aberta, dentro do quadro legal, a apoios institucionais de qualquer partido nacional ou organização da sociedade civil e de todos que nela se revejam.

Caso vier a ser Presidente da República, Carlos Veiga promete dedicar uma atenção especial às comunidades emigradas pelo mundo, activo e estratégico da Nação, com vista a assegurar a sua protecção, quando necessária, nos países de acolhimento.

No seu discurso, Veiga apelou ainda a todos os cidadãos a que participem, com responsabilidade e respeito pelas regras de prevenção e controlo da COVID-19, na campanha eleitoral para as próximas eleições legislativas.

“Após as eleições legislativas, terei muitas oportunidades de voltar a encontrar-me com os cabo-verdianos, de conversarmos e partilharmos esta crença firme e forte que nos une e que queremos tornar realidade. Quero começar com os jovens. Não é justo que a juventude cabo-verdiana continue a ser contaminada por informações e motivações que não sejam a mais pura verdade”, discursou.

Carlos Alberto Wahnon de Carvalho Veiga nasceu em São Vicente, em 1949, e licenciou-se em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa.

Foi Primeiro-ministro de Cabo Verde de 1991 a 2001 e exerceu ultimamente de 2016 até 2019 o cargo de Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário de Cabo Verde nos EUA e Israel.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,4 mar 2021 17:36

Editado porSheilla Ribeiro  em  29 nov 2021 23:20

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.