Abraão Vicente quer mais verbas para São Vicente

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,14 abr 2022 15:22

Abraão Vicente
Abraão Vicente(Fretson Rocha/Rádio Morabeza)

O ministro Abraão Vicente defende um reforço de transferência de verbas para São Vicente para responder à demanda populacional. A tutela da Cultura e Indústrias Criativas e do Mar discursava hoje, na sessão solene alusiva aos 143 anos de elevação de Mindelo à categoria de cidade.

Para o governante, a câmara, para além de projectar o desenvolvimento de São Vicente, tem “socorrido ou planificado em regime de urgência” o acolhimento de cidadãos de outras ilhas.

"Mindelo é uma das cidades cabo-verdianas que mais cresce, que mais acolhe população, mesmo em trânsito. É de facto uma ilha que merece ter um reforço das políticas nacionais, um reforço de transferência de verbas, exactamente para dar vazão ao êxodo populacional”, refere.

Abraão Vicente defende a transformação da cultura num produto turístico de excelência e fazer de São Vicente uma ilha exemplo no que toca à criação de sinergias entre o turismo, o mar e a cultura. Neste sentido, o governante entende que é fundamental adequar o Aeroporto Internacional Cesária Évora para operações nocturnas.

“A dinâmica turística e investimento imobiliária, a quantidade e a qualidade de projectos que estão em carteira pedem, e lançamos aqui o desafio à ASA e à AAC, para que se altere a lei para que de facto a prerrogativa que impede o aeroporto de Mindelo de ter operações nocturnas seja imediatamente removida por interesse nacional”, apela.

Num discurso em que fez referência às várias áreas de desenvolvimento da ilha do Monte Cara, Abraão Vicente não esqueceu a crise política na Câmara Municipal, que opõe os vereadores da oposição e o edil Augusto Neves.

“O verdadeiro triunfo da democracia, senhores eleitos, vereadores e deputados, é o acordo, é o consenso, é a luta pela consolidação de um projecto colectivo. Não a disputa permanente e intensiva além dos períodos eleitorais pelo acesso ao poder, sem que os interesses colectivos sejam de facto colocados como prioridade”, realça.

Também a presidente da Assembleia Municipal, Dora Pires, durante o seu discurso, chamou a atenção dos eleitos no sentido de construir consensos para fazer avançar a ilha.

“Se juntos conseguirmos respeitar as diferenças, porque é mesmo nas diferenças que nós podemos encontrar grandes consensos para avançar mais e melhor, então, juntemos todos – à Assembleia Municipal, Câmara Municipal, os funcionários, vamos nos juntar porque a nossa força será maior. Hoje é dia de reflectir sobre o que podemos fazer”, entende.

O Presidente da Câmara Municipal de São Vicente, Augusto Neves, destaca o trabalho desenvolvido para o desenvolvimento da ilha, mas lembra que ainda há vários desafios pela frente.

“Precisamos aproveitar da melhor forma possível os nossos eventos. Não queremos apenas que o visitante saia daqui encantado com a nossa terra. Queremos que estes eventos tragam benefícios reais para os moradores daqui. Vamos continuar a trabalhar para que São Vicente seja orgulho de todos nós. Vamos trabalhar para que a nossa população esteja preparada para os empregos que vão surgir com este processo”, diz.

O edil mindelense pede o envolvimento de todos no processo de desenvolvimento da ilha. Mindelo foi elevado à categoria de cidade a 14 de Abril de 1879, depois de colonizado em 1795 pelos portugueses.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,14 abr 2022 15:22

Editado porA Redacção  em  28 dez 2022 23:28

pub.
pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.