​IX edição do Mindel Summer Jazz homenageia Biús

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,11 jul 2019 7:54

A IX edição do Mindel Summer Jazz, este ano designado de Mindel Impar Summer Jazz, acontece nos dias 1 e 2 de Agosto. Esta edição é um tributo a Biús, músico, cantor, compositor e intérprete cabo-verdiano, que morreu a 5 de Agosto de 2009, em São Vicente, foi quarta-feira anunciado.

Vou Monteiro, da organização, refere que o objectivo continua a ser a transformação do Mindel Impar Summer Jazz num marco de São Vicente, de Cabo Verde e a nível internacional.

“A nossa intenção é espelhar em cima do palco o estado de espírito que Biús tinha como músico, ou seja, a alegria que para mim foi o legado que ele deixou, independentemente dos discos que gravou”, diz.

Do cartaz, apresentado na tarde desta quarta-feira, em conferência de imprensa, faz parte um leque de artistas nacionais e internacionais. A abertura, no dia 1 de Agosto vai estar a cargo do guitarrista Vammar Martins. O baixista camaronês Etienne Mbappé é o segundo a subir ao palco na quinta-feira, suportado por uma banda.

Na sexta-feira, o segundo e último dia do Mindel Impar Summer Jazz, actuam a banda nacional ‘Pret & Bronk’ que suporta a portuguesa descendente de cabo-verdianos, Lizandra Gomes. Segue-se o norte-americano Ron Savage Trio, e o guitarrista da Africa do Sul, Jimmy Dlulu, que fecha a IX edição.

Além da programação oficial, Alexandre Novais, da organização, explica que os eventos começam mais cedo, de modo a levar o jazz à toda a cidade.

“Este ano começamos na segunda-feira, com um grande concerto MS Júnior - uma tarde dedicada a crianças e pais com a orquestra ‘sab sebim’ de Ribeira de Craquinha. A ideia é fazer o espectáculo no jardim do Palácio do Povo. Terça-feira, no mesmo local, teremos um momento intimista com Afro Band, da Praia. Quarta-feira, como habitualmente, temos um concerto de pré-abertura no pontão, que este ano tem um cariz específico, vamos cantar Biús”, explica.

A Câmara Municipal, através do seu presidente Augusto Neves, destaca o papel do Summer Jazz na movimentação da economia de São Vicente.

“Os eventos realizados nesta altura do ano potenciam a nossa economia. O nosso objectivo é tentar, durante um ano, trazer grande movimento à ilha, e os eventos têm sido as actividades que mais têm feito para que São Vicente se mantenha sempre de pé e de cara levantada, e sempre com aquele cariz de muito trabalho”, diz.

Este ano, à semelhança da oitava edição, o evento musical, cujo orçamento ronda os 15 mil contos, realiza-se na Pracinha do Liceu Velho.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,11 jul 2019 7:54

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  22 jul 2019 7:19

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.