​VII edição da Morna Fest com espectáculos na Praia e no Mindelo

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,3 dez 2019 14:38

Júlio do Rosário e Yannick Oliveira
Júlio do Rosário e Yannick Oliveira(Rádio Morabeza)

Mindelo e Praia são os palcos dos espectáculos, no âmbito da 7ª edição da Morna Fest 2019, em homenagem à Morna e aos Trovadores das ilhas. O evento está agendado para a segunda semana de Dezembro com música, palestras e workshops.

O primeiro concerto acontece no dia 13, na Assembleia Nacional, na capital do país, sendo que no dia seguinte é a vez da “Pracinha do Liceu Velho”, em São Vicente, acolher o certame, cuja entrada é paga. O objectivo é cantar a Morna e elevar o género musical.

O evento foi apresentado hoje, em conferência de imprensa, em São Vicente. O produtor Júlio do Rosário explica que a edição deste ano é especial por ocorrer no mês em que a Morna poderá ser proclamada Património da Humanidade, durante a reunião do Comité do Património Cultural Imaterial da Unesco, em Bogotá, Colômbia.

“O anúncio da decisão [de elevação da Morna a Património Imaterial da Humanidade] está previsto para 12 de Dezembro, e logo a seguir, nos dias 13 e 14 temos os dois grandes eventos. Para que o evento seja ainda maior convidamos vários artistas e, com a banda acompanhante, teremos um palco com um leque de 23/25 pessoas num palco de espectáculo”, refere.

A “Semana da Morna” está agendada de 9 a 14 deste mês, com eventos musicais envolvendo artistas convidados nacionais residentes e na diáspora. Entretanto, já decorrem actividades enquadradas no Morna Fest 2019, com Santiago a acolher hoje palestras e workshops no Campus da Universidade de Cabo Verde, e amanhã no Palácio da Cultura Ildo Lobo.

A ilha do Sal também entra no circuito, e recebe quarta-feira o workshop “Tocar a Morna” na Escola Municipal de Artes Tututa. Em Mindelo, realizam-se conversas abertas à volta dos músicos e intérpretes da Morna: “Vida e Obra de B. Léza”, e sobre o processo de candidatura da Morna a património Imaterial da Humanidade.

Também o Núcleo Museológico Cesária Évora junta-se ao evento e organiza uma série de actividades no âmbito do 17 de Dezembro, data do desaparecimento físico da “Diva dos Pés Descalços”. Yannick Oliveira, coordenador do Núcleo, dá conta da programação.

“O Núcleo [Museológico Cesária Évora] está a entrar com uma série de actividades que anualmente preparamos. Este ano é ‘8 anos de sodad’ – começamos no dia 12 com palestras no Centro Cultural do Mindelo e estende-se até o dia 19. Durante o percurso teremos a tradicional comida de anjo, torneios de bisca e oril - coisas com que a Cesária gostava de ocupar os seus tempos livres em São Vicente. Também teremos a tradicional serenata pelas ruas de Mindelo, e fechamos com um show”, explica.

A organização garante que a ideia é estender, progressivamente, a Morna Fest a todas as ilhas do país.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,3 dez 2019 14:38

Editado porSara Almeida  em  8 dez 2019 23:21

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.