Pró Empresa defende melhor ambiente de negócios com melhor acesso ao crédito

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,23 jan 2019 7:31

Pedro Barros
Pedro Barros(Inforpress)

​O presidente da Pró Empresa, Pedro Barros, defende a necessidade da melhoria do ambiente de negócios, a partir do financiamento ao empreendedorismo, de forma a permitir a criação de riqueza no país.

Pedro Barros falava terça-feira à Inforpress, apontando que a economia nacional deve actuar na promoção do investimento privado e a diversificação da economia, tendo em conta a criação de riqueza e a promoção de empresas rentáveis.

“A melhoria do ambiente é um dos cinco eixos em que a Pró Empresa intervém e um dos indicadores do ranking de Doing Business é o acesso ao financiamento”, explica.

O economista refere que uma das maiores contribuições da entidade na economia é o acesso ao financiamento, defendendo por isso a redução da burocracia excessiva no país, o combate aos procedimentos morosos e um acompanhamento detalhado das pequenas e médias empresas, nos processos de desenvolvimento.

“A Pró Empresa tem consultores que trabalham na avaliação dos projectos que dão entrada na instituição, assim como acompanham nos planos de desenvolvimento em que essas empresas actuam”, indica.

Por isso, para potenciar as oportunidades que se apresentam, será sempre necessário criar condições organizativas, processuais e competitivas, para que as pequenas e médias empresas possam desempenhar com sucesso o papel que lhes compete no crescimento da economia.

“Nós surgimos para melhorar e a nossa meta será sempre contribuir para o aumento do emprego, aumento de renda, aumento do poder de compra, que gera impostos e assim permitirá ao Estado criar as condições que se impõem para os empresários”, diz.

A Pro Empresa é a entidade responsável por promover, facilitar e acompanhar o investimento privado nacional de micro, pequena e médias empresas, nomeadamente investimento menor que cinquenta milhões de escudos em todos os sectores da economia nacional.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,23 jan 2019 7:31

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  21 set 2019 23:22

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.