PIB cresceu 5,2% no primeiro trimestre

PorAndre Amaral,12 jul 2019 10:21

2

PIB cresceu 5,2% no primeiro trimestre deste ano anunciou, hoje, o Instituto Nacional de Estatística (INE) que aponta para um abrandamento relativamente ao último trimestre do ano passado.

“No 1º trimestre de 2019, o PIB registou uma variação homóloga de 5,2%, em termos reais, taxa inferior em 3,0 pontos percentuais (p.p.) à verificada no quarto trimestre de 2018”, começa por anunciar o INE no relatório sobre as Contas Nacionais Trimestrais.

No mesmo relatório, o INE adianta que após a revisão das contas “a taxa de crescimento prevista para o ano 2018 foi revista, passando de 5,5% a 5,1%”.

O documento mostra igualmente que durante o primeiro trimestre deste ano foi registado um crescimento de 8,8% do Consumo Final e que o consumo privado “aumentou 5,3%, em termos reais no 1º trimestre de 2019, o que traduziu numa aceleração face ao crescimento de 3,8% observado no 4º trimestre de 2018. O consumo público apresentou uma taxa de variação homóloga de 20,8% (variação de -6,0% no trimestre anterior) ”.

Quanto ao Investimento “registou uma variação homóloga negativa, de -11,4% em volume no 1º trimestre de 2019 (variação 14,0% no trimestre anterior) ”.

No que respeita ao comércio externo, o INE registou um crescimento tanto nas importações como nas exportações. “As Exportações de Bens e Serviços em volume registaram no 1º trimestre, uma variação homóloga de 8,0% (7,4% no trimestre anterior). As Importações de Bens e Serviços, em termos homólogos, aumentaram 2,1%, no 1º trimestre”.

Governo comenta dados do PIB: "Cabo Verde está a fazer muito melhor que a economia mundial"

O Secretário de Estado das Finanças, Gilberto Barros, comentou, hoje, à margem da conferência de imprensa do Conselho de Ministros, as Contas Nacionais Trimestrais apresentadas pelo Instituto Nacional de Estatística. Para Gilberto Barros, apesar da ligeira descida no crescimento do PIB nacional, é necessário olhar para os números apresentados pelo INE com uma perspectiva positiva.

Segundo o relatório elaborado pelo INE, o Estado continua a ser principal motor do crescimento do PIB.

O documento mostra que o Valor Acrescentado Bruto da Administração Pública cresceu 15,1% o que significa um contributo de “1,8 p.p na variação total do crescimento do PIB”. No outro extremo esteve a agricultura, cujo Valor Acrescentado Bruto diminuiu 1% no primeiro trimestre deste ano “contribuindo, negativamente, em -0,1 p.p na variação total do crescimento do PIB”.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,12 jul 2019 10:21

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  20 set 2019 23:22

2

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.