Cabo Verde Airlines suspende ligações a Porto Alegre

PorExpresso das Ilhas,12 mar 2020 15:52

Situação mundial de pandemia por Covid-19 foi a justificação avançada pela Cabo Verde Airlines para suspender a rota Sal-Porto Alegre-Sal por tempo indeterminado.

No comunicado enviado à comunicação social, a empresa anuncia que a suspensão entra em vigor "a partir de 16 de Março de 2020 e por período indeterminado". Além disso, assegura a companhia, "a Cabo Verde Airlines providenciará reembolso total aos clientes para todos os bilhetes vendidos para esta rota".

A justificar esta decisão por parte da Cabo Verde Airlines está o facto de a "Organização Mundial de Saúde (OMS) considerou o Covid-19 como situação pandémica. Devido aos níveis alarmantes de disseminação e severidade, muitos países estão a impor proibições temporárias a viagens de entradas e saídas a países com grande número de infecções".

A empresa já tinha anunciado já tinha anunciado em Março a suspensão dos voos para Washington, a que tinha dado início em Dezembro, até 31 de Maio, alegando a “procura de clientes significativamente reduzida”, motivada por “preocupações globais de saúde relacionadas ao Covid-19”. No mesmo mês tinha sido igualmente anunciada a suspensão dos voos entre o Sal e Bahia.

Mais recentemente, e devido à situação vivida em Itália com o Covid-19, a companhia foi obrigada a deixar de voar para Roma e Milão por decisão do governo. Inicialmente a proibição seria até ao final do mês de Março mas, no dia em que o Primeiro-ministro anunciou o Plano de Contingência, foi alargada até final de Abril.

Contactado pela Rádio Morabeza, o vice-presidente de Vendas e Marketing da Cabo Verde Airlines, Raul Andrade, reiterou que "a suspensão se deve à situação actual da pandemia do coronavírus Covid-19 e que, em face dos níveis alarmantes de propagação e gravidade, vários países já impuseram restrições de viagens e, em consequência, os clientes passaram imediatamente a fazer volumes enormes de alterações de datas de viagens e pedidos de reembolso dos seus bilhetes e cancelando as viagens".

Sobre a possibilidade de a empresa vir a suspender mais rotas Raul Andrade afirmou que a CVA vai continuar a estar atenta "à evolução e restrição de viagens nas rotas onde opera".

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,12 mar 2020 15:52

Editado porSara Almeida  em  6 jun 2020 23:20

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.