Movimentação de hóspedes aumenta 40,3% no 1.º trimestre de 2024

PorSheilla Ribeiro,25 jun 2024 10:07

No primeiro trimestre de 2024, os estabelecimentos hoteleiros do país registaram um total de 303.298 hóspedes, um aumento de 40,3% em comparação com o mesmo período de 2023. Estes turistas proporcionaram 1.523.785 dormidas, resultando num crescimento de 16,9% face ao ano anterior, segundo revelou hoje o INE.

De acordo com o Instituto Nacional de estatísticas, o Reino Unido manteve-se como o principal país de origem dos turistas que visitam Cabo Verde. Contudo, os turistas suecos destacaram-se pela maior permanência, com uma estadia média de 6,5 noites.

Em média, os turistas permaneceram 4,7 noites nos estabelecimentos hoteleiros, e a taxa de ocupação-cama foi de 62%.

A ilha do Sal continua a ser o destino mais procurado, representando 57,7% das entradas nos estabelecimentos hoteleiros, seguida pela ilha da Boa Vista, com 24,1%. Santiago, Santo Antão e São Vicente registaram 8,1%, 4,6% e 4,2% das entradas, respectivamente. As restantes ilhas contribuíram com 1,3% do total das entradas.

Relativamente às dormidas, a ilha do Sal manteve-se em primeiro lugar com 59,1%, seguida pela Boa Vista com 33,4%. Santiago, São Vicente e Santo Antão registaram 3,1%, 2,0% e 1,8% das dormidas, respectivamente, enquanto as restantes ilhas somaram 0,7%.

Os hotéis continuam a ser os estabelecimentos mais procurados, representando 79,5% do total das entradas e 84,0% das dormidas. Os hotéis-apartamentos seguem com 13,5% das entradas e 12,9% das dormidas, enquanto as residências e as pensões representaram 4,5% e 1,5% das entradas, e 1,9% e 0,7% das dormidas, respectivamente.

Além do Reino Unido, outros mercados emissores no primeiro trimestre de 2024 incluíram Alemanha (11,4% das entradas), Países Baixos (Bélgica e Holanda) com 11,0%, França (10,8%), Suécia (5,9%) e Portugal (5,6%).

No que diz respeito às dormidas, o INE aponta que o Reino Unido liderou com 32,3%, seguido pelos Países Baixos com 11,9%, Alemanha com 10,9%, França com 7,9%, Suécia com 7,7% e Portugal com 5,0%. Outros países representaram 23,2% das entradas e 22,2% das dormidas.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,25 jun 2024 10:07

Editado porSheilla Ribeiro  em  25 jul 2024 16:21

pub.

pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.