Edição 1142

PorExpresso das Ilhas,18 out 2023 0:02

Com o debate sobre o estado da Justiça a aproximar-se, esta semana fazemos manchete com a entrevista a Júlio Martins Jr., Bastonário da Ordem dos Advogados de Cabo Verde.

O arranque de mais um ano judicial deu o mote para uma conversa com o bastonário da Ordem dos Advogados na qual fala da situação do sistema de Justiça, no seu todo, e da advocacia, em particular. Para Júlio Martins Jr. é fundamental a implementação de medidas urgentes para melhorar a situação da Justiça, e destaca, entre as mesmas, uma proposta da Ordem que pode colmatar a curto prazo a carência de magistrados: um concurso especial de acesso à magistratura para advogados experientes, que contemple um estágio de apenas 3 meses. Formação dos magistrados na gestão de processos em massa, bem como um sistema informatizado funcional são outras prioridades que aponta como essenciais para enfrentar os desafios e melhorar a eficiência do sistema de justiça. O advogado considera ainda que é chegado o momento de reflectir sobre a necessidade de uma revisão do modelo de Justiça, trazendo novas dinâmicas e garantindo uma maior representatividade do povo na administração da justiça.

Também em destaque está a reportagem sobre a luta contra o HIV na adolescência.

A adolescência é um período de descobertas, desafios e transformações, mas para muitos jovens em todo o mundo, também pode ser um momento em que precisam enfrentar a realidade de viver com o vírus da imunodeficiência humana (HIV). Em Cabo Verde, a batalha contra esta doença entre adolescentes, assim como entre adultos, tem sido bem-sucedida. Entretanto, ainda é preciso estar vigilante à dinâmica da sociedade e aos estilos de vida dos rapazes e raparigas dos 15 aos 19 anos, conforme alerta o Comité de Coordenação do Combate à SIDA (CCS-SIDA).

Regressamos ao tema da Justiça na capa desta edição do Expresso das Ilhas com as declarações da ministra Joana Rosa sobre a situação do sector judiciário e, na antecâmara do debate sobre o estado da Justiça, Joana Rosa analisa os principais desafios do sector.

Falamos também sobre energias renováveis e transição energética em Cabo Verde.

A Associação Cabo-verdiana das Energias Renováveis (ACER) foi apresentada este fim-de-semana e quer ser um interlocutor no processo de transição energética em Cabo Verde. Jansénio Delgado explicou ao Expresso das Ilhas os objectivos da associação a que preside.

Outro tema em destaque nesta edição do Expresso das Ilhas é o alargamento da vacinação contra o HPV aos meninos.

Cabo Verde alargou a vacinação contra o vírus do Papiloma humano (HPV, da sigla em inglês) aos rapazes de 10 a 14. O acto simbólico deste alargamento aconteceu ontem, e inicia-se agora o processo de vacinação de 26.500 meninos, nas escolas ou nos centros de saúde. 50 mil doses de vacinas doadas pelo Brasil permitiram este passo, que abre uma nova fase na vacinação contra o HPV em Cabo Verde.

A ler igualmente, na opinião, o texto ‘Crónica de um Estádio ultrajado’ de Amílcar Spencer Lopes; ‘Qualidade e Sustentabilidade das Universidades Públicas’ de Manuel Brito-Semedo e ‘A precarização e a desvalorização do trabalho docente: um breve olhar global e local’ de António Carlos Moreira.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,18 out 2023 0:02

Editado porAndre Amaral  em  21 fev 2024 23:29

pub.

pub.

pub
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.