Trabalhadores do handling suspendem pré-aviso de greve

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,19 dez 2017 9:24

Os trabalhadores da Cabo Verde Handling, nas escalas da Praia e Boavista, suspenderam ontem o pré-aviso de greve, depois de terem chegado a um princípio de acordo com a empresa, anunciou ontem o SITTHUR.

A paralisação estava agendada para os dias 19, 20 e 21 deste mês. Segundo o secretário permanente do Sindicato de Transportes, Telecomunicações Hotelaria e Turismo (SITTHUR), Carlos Lopes, em entrevista à Rádio Morabeza, a decisão foi tomada depois de, ontem à tarde, as partes terem assinado um acordo quando à resolução da maior parte das reivindicações em cima da mesa.

O princípio de acordo foi conseguido após encontro de conciliação, mediada pela Direcção-Geral do Trabalho.

Os funcionários reivindicavam o enquadramento no sistema de gestão da carreira, o estabelecimento de um horário de trabalho de acordo com a lei,o ajustamento do subsídio de Natal a 100 por cento, a partir deste ano, e fixação do subsídio de férias, a partir de 2018.

“A empresa, de facto, compromete-se a fazer um levantamento exaustivo de todas essas situações pendentes, dos enquadramentos mal feitos, desajustados e injustos, com vista à sua correcção e para produzir efeitos retroactivos a partir de Janeiro de 2017. Em relação ao horário de trabalho, ficou o compromisso de a empresa dar o devido tratamento a essa matéria, no que dispõe o código laboral”, garante.

“Estamos em crer que o acordo a que chegámos sobre essa matéria irá dar satisfação às reivindicações dos trabalhadores”, acredita.

Quando à exigência do subsídio de Natal a 100 por cento, segundo o representante dos trabalhadores, a Cabo Verde Handling aceitou fixar a subvenção, para este ano, correspondente a um mês de salário. Entretanto, o pagamento será feito de forma faseada, sendo 75% efectuado agora em Dezembro e os restantes 25 % pagos em 2018, após apresentação do relatório de contas da empresa.

Por outro lado, não foi possível chegar a acordo quando à fixação do subsídio de férias.

“Sobre esta questão, proximamente iremos apresentar à administração da empresa uma nova proposta, para ser negociada no próximo ano”, diz.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,19 dez 2017 9:24

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  19 nov 2018 3:22

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.