Comando de São Vicente com adesão de 97 por cento - SINAPOL

PorFretson Rocha,27 dez 2017 13:40

A adesão à greve dos agentes da Polícia Nacional em São Vicente ronda os 97 por cento. A expectativa é que, até ao final do dia a adesão chegue aos 100 por cento, estima o SINAPOL.

A informação foi avançada esta manhã, à Rádio Morabeza, pelo presidente do conselho fiscal do Sindicato Nacional de Polícia (SINAPOL), Cirilo Cidário, durante a manifestação pacífica que acontece em frente ao comando regional.

“Os 3% são pessoas que dormiram de serviço e que saíram às 8 horas da manhã, foram para casa descansar e voltarão mais tarde. Penso que à tarde estaremos a 100%”, afirma.

Em São Vicente, o SINAPOL conta com 107 associados do universo dos 207 efectivos. Mas o pessoal que estava escalado não compareceu ao serviço. Em consequência, a Esquadra do Mindelo está fechada, na Esquadra de Monte Sossego apenas um elemento está a fazer a segurança do edifício e em Fonte de Inês estão dois agentes a trabalhar.

Por isso, segundo Cirilo Cidário, a requisição civil decretada pelo Governo não surtiu efeito.

“A requisição civil não surtiu qualquer efeito em São Vicente, porque as pessoas que foram convocadas não aderiram à convocação. Todos vieram para a greve, foram solidários com o restante pessoal”, diz.

O presidente do conselho fiscal do Sindicato Nacional de Polícia considera que se trata de uma reivindicação justa.

“Estamos convictos que trata-se de uma reivindicação justa, uma vez que nós estivemos durante todo o mês de Março em negociações com o ministro [da Administração Interna], onde assinou connosco um memorando de entendimento e suspendemos a greve naquela altura. Agora, o senhor ministro veio dar o dito por não dito, não quis respeitar o memorando, dizendo que há outras prioridades. Nunca formos prioridade pelos sucessivos governos”, reclama.

A greve da Polícia Nacional abrange todo o território nacional. Os agentes reivindicam actualização salarial, redução da carga horária, introdução de regulamento de trabalho, pagamento de subsídio de condição policial ao pessoal policial da Guarda Fiscal, com efeitos retroactivos.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha,27 dez 2017 13:40

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  18 nov 2018 3:23

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.