Vigilantes de segurança privada já não vão parar

PorLourdes Fortes, Rádio Morabeza,2 mar 2018 17:46

Os profissionais de segurança privada suspenderam o pré-aviso de greve, agendada para 7 a 9 de Março. A decisão foi tomada depois do consenso alcançado num encontro entre as partes.

A informação é avançada pelo presidente do Sindicato da Industria Geral, Alimentação, Construção Civil, Agricultura, Serviços, Florestas, Serviços Marítimos e Portuários (SIACSA), Gilberto Lima, que afirma que as partes chegaram a um entendimento.

“Conseguimos aproximar as nossas posições (...) para a entrada em vigor da grelha salarial, a partir da data anteriormente acordada, isto é, a partir de Janeiro de 2018”, afirma.

A não implementação de uma nova grelha salarial da classe, o não descongelamento das progressões e o reenquadramento nas carreiras profissionais eram algumas das reivindicações que estavam na origem do pré-aviso de greve.

O sindicalista afirma que vai ser criada uma comissão para tratar da questão salarial, bem como dos retroactivos.

“É um órgão consultivo, apenas para negociar os pagamentos. Os vigilantes podem ficar descansados, porque aqui não há perigo da não entrada em vigor do acordo ou do não pagamento dos retroactivos", assegura.

Desde o início do ano que os profissionais de segurança privada aguardam a entrada em vigor da nova grelha salarial, assinada na Convenção Colectiva de Trabalho, em Agosto de 2017. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Lourdes Fortes, Rádio Morabeza,2 mar 2018 17:46

Editado pormaria Fortes  em  20 nov 2018 3:22

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.