Presidente da associação de pilotos enumera situações que contribuíram para o actual estado da TACV

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,15 mar 2018 14:38

Presidente da Associação dos Pilotos de Cabo Verde, Ricardo Abreu
Presidente da Associação dos Pilotos de Cabo Verde, Ricardo Abreu(Radio Morabeza)

A substituição da frota internacional da TACV implicou avultados problemas à companhia. Quem o diz é o presidente da Associação dos Pilotos de Cabo Verde, ouvido esta manhã em sede de Comissão Parlamentar de Inquérito à gestão da companhia de bandeira.

Aos deputados, o comandante Ricardo Abreu enumerou alguns pontos que, no seu entender, contribuíram para os prejuízos da companhia aérea cabo-verdiana.

“Ter um avião durante dois anos, sem voar, enquanto pagava leasing a terceiros, apreensão do avião 737, extinguindo uma frota, permanecendo pilotos em casa - vai completar agora dois anos - a substituição da frota ATR que existia, por um ATR mais antigo e que, depois, veio a finalizar com a extinção da frota, e a forma como foi feita a separação de handling”, exemplificou.

Relativamente ao arresto do 737, em Fevereiro de 2016, na Holanda, Ricardo Abreu disse que o facto apanhou os pilotos de surpresa e que os profissionais continuam à espera de voltar a voar.

“Naturalmente ainda não [voltámos a voar] por não termos o avião. Não foram momentos fáceis para a classe e para esses pilotos que pertenciam a essa frota. Acabaram por sair alguns, já com uma larga experiência", recordou.

Também esta manhã, foi ouvido o comandante Luís Semedo, ex-presidente de Associação dos Pilotos.

Joaquina Almeida, na qualidade de antiga presidente de Associação do Pessoal de Navegante de Cabine de Aviação Civil, era para ter sido ouvida hoje pelos deputados, mas a sua audição foi adiada para amanhã.

A Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar os actos de gestão dos TACV, de 1975 a 2017, foi proposta pelo MpD.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,15 mar 2018 14:38

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  21 set 2018 3:22

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.