Prisão preventiva para deputado municipal da Boa Vista

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,15 out 2018 7:44

1

​O Tribunal da Comarca da Boa Vista decretou prisão preventiva como medida de coacção ao advogado e deputado municipal detido por suspeita de envolvimento em vários crimes praticados na ilha.

A informação foi avançada em comunicado, publicado na página da Procuradoria-Geral da República, na Internet.

A detenção do indivíduo, segundo a Procuradoria da Comarca de Boa Vista, ocorreu na sequência de diligências desencadeadas na sexta-feira, com coadjuvação de órgãos da polícia criminal.

“Em causa estão factos susceptíveis de indiciarem dois crimes de roubo (com violência sobre pessoa), um crime de furto qualificado de arma de fogo e um crime de disparo de arma de fogo”, refere a Procuradoria em nota de imprensa publicada na sexta-feira, 12.

Os factos investigados, revela a mesma fonte, estão relacionados com o furto de arma de guerra na Esquadra da Polícia Nacional na Boa Vista e roubo numa instituição bancária ocorrida na referida ilha, em Dezembro de 2017.

A detenção ocorreu na sequência de buscas domiciliárias promovidas pelo Ministério Público. O processo continua em investigação e, por isso, em segredo de justiça.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,15 out 2018 7:44

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  7 jul 2019 23:22

1

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.