​Praga de gafanhotos declarada caso de emergência. Militares chamados ao combate

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,19 set 2019 8:54

2

O Governo declara a praga de gafanhotos, que afecta algumas ilhas do país, como um caso de emergência. Neste sentido, o Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA) anuncia o reforço da campanha de combate com o apoio dos militares.

O combate à praga com o reforço dos militares começa hoje, a partir das 9:30, na zona de Ribeirão Chiqueiro, em Santiago, uma das zonas semiáridas que começaram a ser afectadas logo após a queda das primeiras chuvas. Brava, São Nicolau e São Vicente são outras ilhas atingidas.

Na mesma nota de imprensa, a tutela explica que durante um período de seca é frequente e natural a explosão de população de uma determinada praga devido essencialmente ao desequilíbrio do ecossistema frágil do meio rural do país.

“A sua manutenção harmoniosa dependerá de medidas de resiliência que o MMA pretende implementar para reduzir o risco de dependência de chuvas. Pois, as plantas quando estão frágeis por falta de água ou de alimento no solo ficam mais vulneráveis aos ataques de pragas e doenças”, lê-se.

Por outro lado, refere que a chuva que anualmente um papel de lavagem das plantas e a consequente redução de pragas, há dois anos consecutivos que não caem no mínimo necessário.

“Dado a este cenário a praga de gafanhoto este ano é considerado um caso de emergência, por isso o Ministério da Agricultura e Ambiente reforça a campanha de combate as pragas com apoio dos militares”, declara.  

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,19 set 2019 8:54

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  13 dez 2019 23:21

2

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.