Santiago, São Vicente, Fogo e Boa Vista com casos suspeitos

PorAndre Amaral,9 abr 2020 18:11

Oito novos casos suspeitos de infecção por COVID-19 em São Vicente, um no Fogo, um na Boa Vista e outro na Ribeira Grande de Santiago. É este o balanço feito esta quinta-feira pelo Director Nacional de Saúde na conferência de imprensa diária sobre a situação da pandemia.

"Ontem tinha dito que, cada vez mais, daqui para a frente, vamos ter de nos habituar a ter casos suspeitos", apontou Artur Correia logo no começo da conferência de imprensa que se realizou, como habitualmente, no Palácio do Governo. 

"A nossa atenção está fortemente virada para a detecção desses eventuais casos", reforçou. 

Artur Correia anunciou, então, que as autoridades de saúde registaram, hoje, "a existência de 11 casos suspeitos. Um na Boa Vista, oito em São Vicente- e em relação a São Vicente devo dizer que destes oito, há cinco contactantes, a maioria do Hospital Baptista de Sousa, mas existe um contactante relacionado com a clínica privada", onde a paciente do Mindelo foi atendida. Além destes casos foram detectados mais dois. "Um na ilha do Fogo e um caso suspeito novo aqui na Cidade Velha".

As amostras aos casos suspeitos de São Vicente, quer os de ontem quer os de hoje, "chegam hoje à tarde à Praia" assim como a do Fogo.

Depois de enumerar os novos casos suspeitos, o Director Nacional de Saúde, lançou um alerta às pessoas "que já saíram da quarentena" que cumpriram nos hotéis da cidade: "algumas não estão a obedecer às recomendações passadas pelos técnicos de saúde no sentido de, apesar de terem saído da quarentena, ficarem confinadas às suas casas, obedecendo ao Estado de Emergência" decretado pelo Presidente da República. 

"Cumpram essas responsabilidades de cidadania", voltou a apelar Artur Correia. 

Somando aos casos anunciados ontem, cujos resultados dos testes de despistagem ainda não são conhecidos, Cabo Verde tem agora 19 casos suspeitos de infecção por COVID-19.

Cabo Verde registou até o momento sete casos positivos do novo coronavírus, sendo quatro na ilha da Boa Vista e dois na cidade da Praia e um em São Vicente. Entre os quatro casos positivos na ilha da Boa Vista, um resultou em óbito, um cidadão inglês de 62 anos.

O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, declarou o estado de emergência no País, devido à pandemia COVID-19, com duração de 20 dias, das 00h00 do dia 29 de Março, até 24h00 do dia 17 de Abril.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da COVID-19, já infectou cerca de 1,4 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 80 mil.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,9 abr 2020 18:11

Editado porFretson Rocha  em  2 dez 2020 23:21

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.