Praia serve de base para operação de substituição da tripulação da SMT Shipping em África

PorLourdes Fortes, Rádio Morabeza,2 jul 2020 9:16

Cabo Verde serve de base para a substituição da tripulação da SMT Shipping em África, retida há vários meses, devido à pandemia. A operação começou ontem e decorre até 6 de Julho, liderada NAVEX Cabo Verde.

A empresa do Grupo ETE prevê a substituição de 90 tripulantes, embarcados desde Fevereiro, em seis navios da companhia, ao largo da Guiné Conacri.

Em comunicado, o Grupo ETE indica que a operação é realizada em coordenação com o Instituto Marítimo e Portuário, e os ministérios da Economia Marítima, do Turismo e Transportes e da Defesa

“Unirmos sinergias entre variadas entidades públicas e privadas para poder oferecer uma solução a este armador e em segurança conseguirmos realizar esta operação de substituição de tripulantes, é para a nossa empresa bastante gratificante”, afirma Bruno Silva, director-geral da Navex Cabo Verde.

A operação, por via aérea e marítima, está centrada na Praia, para tirar partido da "localização privilegiada" do arquipélago.

Segundo a Organização Marítima Internacional (IMO), cerca de 200.000 tripulantes estão presos em navios, devido à actual crise provocada pelo novo coronavírus.

Em muitos casos, os seus contratos foram prorrogados por vários meses, além do tempo máximo permitido pelos regulamentos internacionais.

Recentemente, por ocasião do Dia do Marítimo, a agência instou os governos a tomarem medidas “para levar os marítimos para casa”. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Lourdes Fortes, Rádio Morabeza,2 jul 2020 9:16

Editado porSara Almeida  em  6 ago 2020 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.