Coronavírus: O dia em revista

PorDulcina Mendes,28 jul 2020 20:38

Cabo Verde tem registado nos últimos dias grande número de casos recuperados de COVID-19. Ontem mais de 100 pessoas tiveram alta e hoje foram 66.

Segundo o boletim epidemiológico divulgado hoje, mais 26 pessoas foram diagnosticadas com COVID-19. A cidade da Praia teve maior número de casos (21), São Miguel com três, Ribeira Brava São Nicolau e Sal com um caso cada. 

O país passa a contabilizar 714 casos activos, 1616 casos recuperados, 22 óbitos e dois transferidos, perfazendo um total de 2354 casos positivos acumulados.

Quanto à evolução da doença em Cabo Verde o Director Nacional de Saúde disse ontem na conferência de imprensa sobre COVID-19 que tudo aponta para que se esteja a entrar numa fase de estabilização de casos mostrando, tanto a nível nacional como nos concelhos mais afectados no país (Praia, Santa Cruz e Sal) que há, ao longo das últimas semanas, uma diminuição do número de doentes confirmados.

Artur Correia disse que Cabo Verde tem uma taxa de incidência de 76,8 casos de COVID-19 por cada 100 mil habitantes.


COVID-19 no mundo

A ONU alertou hoje que o número de crianças que sofrem de desnutrição no mundo poderá atingir, nos próximos meses, os 54 milhões por causa da crise económica e social provocada pela actual pandemia da doença COVID-19.

Esta estimativa avançada pela organização internacional representa um aumento de sete milhões de crianças face aos números actuais.

Segundo a Lusa, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) sublinhou que antes da pandemia do novo coronavírus, 47 milhões de crianças em todo o mundo já sofriam de problemas de desnutrição, perda de peso e de magreza extrema.

As conclusões da UNICEF são sustentadas numa análise publicada pela revista médica “The Lancet”, na qual vários investigadores alertaram para as consequências da pandemia da COVID-19 na alimentação das crianças e para as potenciais carências alimentares.

A análise destes investigadores abrangeu um conjunto de 118 países de baixo e médio rendimento.

O número de mortes em África devido ao novo coronavírus ultrapassou a barreira dos 18 mil mortos, contabilizando agora 859.237 infectados, dos quais 506.534 recuperados, segundo dados oficiais.

Segundo o África CDC, o maior número de casos e de mortos de COVID-19 continua a registar-se na África Austral: 471.491 infectados, 7.453 mortos e 282.093 recuperados. Só a África do Sul reúne 452.529 casos e 7.067 mortos.

A África do Norte contabiliza 151.192 infectados e 6.293 mortos e a África Ocidental regista 122.042 casos, com 1.853 vítimas mortais.

Segundo o balanço mais recente feito pela agência France-Presse (AFP), a pandemia da COVID-19 já provocou mais de 654 mil mortos e infectou mais de 16,5 milhões de pessoas em todo o mundo. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Dulcina Mendes,28 jul 2020 20:38

Editado porAndre Amaral  em  4 ago 2020 13:19

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.