Prisão preventiva para indiciado da prática de um crime de agressão sexual em Calheta de São Miguel

PorDulcina Mendes,25 nov 2021 15:55

O Ministério Público (MP) ordenou, esta quarta-feira, 24, a detenção de um arguido indiciado da prática de um crime de agressão sexual, em Calheta de São Miguel.

Num comunicado, o MP informa que no âmbito da investigação de um auto de instrução registado na Procuradoria da República da Comarca de Tarrafal, ordenou a detenção, fora de flagrante delito, de um indivíduo do sexo masculino, de 21 anos de idade, natural da localidade de Pilão Cão, município de Calheta de São Miguel, por indícios da prática de um crime de agressão sexual.

Segundo o MP, os factos ocorreram há cerca de dois meses e a vítima é uma criança de 13 anos de idade.

A mesma fonte indica que efectivada a detenção, com o auxílio da Polícia Nacional, e submetido ao primeiro interrogatório judicial de detido, foi aplicado ao arguido, na sequência do requerimento do Ministério Público, a medida de coação prisão preventiva

Conforme o MP, o referido processo, que continua em investigação, está em segredo de justiça.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Dulcina Mendes,25 nov 2021 15:55

Editado porAndre Amaral  em  8 dez 2021 11:19

pub.

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.