Tutela confirma gratuitidade do ensino até ao 10º ano já no próximo ano lectivo

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,5 abr 2019 16:19

​A ministra da Educação garantiu hoje que os alunos do 9º e 10º ano de escolaridade deixam de pagar propinas a partir do ano lectivo 2019/2020 e que em 2020 a gratuitidade será estendida ao 12º ano de escolaridade.

Maritza Rosabal avançou a informação quando proferia o seu discurso durante a cerimónia de abertura oficial do Youth Speak Fórum, na Cidade da Praia, evento enquadrado no festival dos ODS, promovido pela AIESEC.

Durante a sua intervenção, a responsável da pasta de Educação salientou que está em curso uma política de universalização que garanta o acesso das crianças ao pré-escolar, acrescentando que a isenção do pagamento de propinas no ensino secundário é um processo que está a ser implementado progressivamente.

“No ensino básico foi alargada a escolaridade obrigatória do 8º ano e se está progressivamente eliminando todo o processo de propinas, pelo que a partir de Setembro não se paga até ao 10º ano de escolaridade e no próximo ano, a frequência será gratuita até ao 12º ano de escolaridade”, afiançou.

Alem disso, a ministra avançou que estão a ser introduzidas reformas a nível dos currículos, com a introdução do ensino de línguas estrangeiras a partir do 5º ano de escolaridade e da instalação dos laboratórios tecnológicos, que estão disponíveis em 50% da rede escolar, reforçando que os mesmos têm contribuído para que o processo do uso das tecnologias no sistema educativo nacional seja uma realidade.

O fórum tem como objectivo motivar, engajar, e inspirar a juventude a trabalhar de forma activa para o alcance dos objectivos do Desenvolvimento Sustentável (IDS) e motiva-los para a promoção e partilha de ideias futuras.

A AIESEC cuja sede está localizada em Roterdão, Holanda, é a maior organização mundial de estudantes e está presente em mais de 120 países, com mais de 86.000 membros e 8.000 organizações parceiras.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,5 abr 2019 16:19

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  4 jan 2020 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.