​Governo quer recuperar ensino técnico

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,25 abr 2019 8:15

Amadeu Cruz
Amadeu Cruz

O secretário de Estado Adjunto para Educação afirma que o Governo quer revitalizar e recuperar o ensino técnico em Cabo Verde, estabelecendo uma colaboração estreita entre o sistema de formação profissional e da formação técnica.

Amadeu Cruz fez estas considerações ontem quando presidia à cerimónia de abertura oficial da “Semana da Via Técnica 2018/2019”, que decorre a partir de hoje até 30 de Abril, na Escola Secundária Polivalente Cesaltina Ramos, na Cidade da Praia, sob o lema “ESPCR, 23 anos transformando vidas”.

O governante considerou o ensino técnico como uma via para se ter jovens com mais capacidades profissionais, de inserção no mundo de trabalho, ajuntando que o Governo quer ajustar os planos das ofertas formativas e especificidades das ilhas, para que o ensino técnico esteja sintonizado com as dinâmicas económicas do país.

Lembrou, neste sentido, que o Executivo tem feito um esforço visando reformar o ensino básico, para lançar as bases do desenvolvimento harmonioso do sistema e tem estado em curso medidas de reforma para melhoria e qualidade do ensino e sistema nacional educativo.

Relativamente à via técnica, realçou, estão em curso obras de reabilitação e modernização das escolas técnicas de São Vicente e Assomada para exactamente adaptar as oficinas dos referidos estabelecimentos de ensino às novas tecnologias para que os mesmos estejam em condições de formar jovens num ambiente mais adequado.

“É preciso ter em conta também que a formação continua ao longo da vida dos jovens, a escola técnica pode fazer isso é preciso então juntar as perspectivas do ensino com a formação de adultos e a escola técnica tem que ajustar a sua oferta para atender às necessidades de formação de adultos ao longo da vida”, afirmou, destacando, por outro lado, o apoio que a cooperação luxemburguesa tem dado para o desenvolvimento do ensino técnico e formação profissional em Cabo Verde.

No ensino técnico profissional, prosseguiu Amadeu Cruz, é preciso que haja uma colaboração estreita e um alinhamento de proximidade entre o sistema de formação profissional e sistema de formação técnico que na sua opinião não podem andar distantes.

“Queremos que o sistema educativo e de formação estejam ao serviço da economia nacional formar com olhos postos na empregabilidade, naquilo que são as oportunidades que emergem do desenvolvimento económico do país”, salientou, defendendo uma maior valorização a experiência do ensino técnico em Cabo Verde.

E por isso, reforçou, os dois subsistemas têm que ter a perspectiva de que não se pode formar apenas por formar, mas sim para atender às necessidades especificas do país, responder às necessidades das empresas nacionais e fomentar o empreendedorismo e inovação empresarial em Cabo Verde.

A XIª edição da Semana da Via Técnica arrancou esta quarta-feira e durante a semana serão realizadas várias actividades como apresentações, oficinas, palestras, exposições, visitas guiadas, feira de saúde e actividades desportivas e culturais.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,25 abr 2019 8:15

Editado porAndre Amaral  em  25 mai 2019 6:19

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.