"Crime não poderá ficar impune", diz ministro dos Assuntos Parlamentares

PorAndre Amaral,4 nov 2019 17:17

Ministro diz que o governo está a fazer "investimentos importantes" que dão à Polícia Nacional melhores condições para combater a criminalidade.

O ministro dos Assuntos Parlamentares, Elísio Freire, garantiu esta segunda-feira que o governo está a trabalhar para "melhorar as condições de actuação da Polícia Nacional" e assegurou que o "crime não poderá ficar impune".

As declarações do ministro surgem à margem da reunião do Conselho de Ministros e Elísio Freire assegurou que a "paz social é um activo estratégico para Cabo Verde".

"Naturalmente que são episódios muito graves", disse o governante referindo-se aos recentes casos de homicídios que ocorreram na capital e garantiu que o "governo, naturalmente, com os investimentos feitos na área da polícia, da justiça e da segurança está a melhorar muito a prestação dessas entidades e naturalmente que o crime não poderá ficar impune. Está-se a trabalhar nesse sentido".

No entanto, lamenta, "não há países que tenham segurança máxima. Em todos os países do mundo há episódios de criminalidade. Temos de trabalhar para os evitar, mas temos também de apelar para a serenidade da sociedade cabo-verdiana. Cabo Verde é um país que tem paz social e é nesta linha que manter".

De recordar que nos últimos dias ocorreram quatro homicídios na cidade da Praia. Um em Monte Babosa onde a vítima foi uma mulher que trabalhava naquela zona como empregada doméstica; o segundo em Tira Chapéu, que vitimou um agente da Polícia Nacional; o terceiro em Safende onde um homem foi esfaqueado por outro após uma discussão num bar e o mais recente em Achada Mato, onde outro homem foi mortalmente ferido à facada.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,4 nov 2019 17:17

Editado porSara Almeida  em  20 nov 2019 7:19

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.