António Monteiro denuncia alegada “manobra eleitoral” da CMSV na venda de terrenos

PorLourdes Fortes, Rádio Morabeza,14 ago 2020 14:57

O presidente da UCID e candidato do partido à Câmara Municipal de São Vicente, António Monteiro, denuncia aquilo que considera ser “manobra eleitoral” do actual presidente, com suposta oferta de lotes de terreno para habitação.

Segundo António Monteiro, que falava em conferência de imprensa, esta manhã, há várias pessoas a marcarem terrenos nas diversas localidades da ilha, sem disporem do título de posse dos mesmos.

“Neste momento, há pessoas que já marcaram os terrenos, pessoas a escavarem sem o título de posse do terreno e isso cria alguma ansiedade e esperança nas pessoas, que depois poderá não ser realizada, porque tendo um documento que comprova que pediu o terreno, mas quando chegar no momento certo a pessoa poderá não ser contemplada com o referido terreno. Então estamos com esta preocupação, na defesa do cidadão, mas também na defesa de São Vicente, porque não podemos continuar a fazer este tipo de política”, alerta.

António Monteiro afirma que a disponibilização de terrenos para a construção de habitação deve ser tratada com seriedade, planeamento e ordenamento dos lotes pelo gabinete técnico

“Se for à câmara, neste momento, vai encontrar um funcionário com um pedido de terreno a distribuir na rua, as pessoas preenchem-no e pedem o terreno. É-lhes dado um recibo. Até aqui, tudo bem. O que não é normal é mandar as pessoas marcarem todas as zonas quando deveríamos ter o gabinete de planeamento e urbanismo, com vários técnicos, para planificar o futuro desta ilha e concedermos os lotes, dentro de uma razoabilidade”, refere

O líder partidário recorda que o direito à habitação está consagrado na Constituição mas que deve ser feito de forma planeada e organizada. O candidato fala da existência de um alegado esquema de venda de terrenos e diz que já contactou a Polícia Judiciária sobre o assunto.

“Mais do que a distribuição de papel para aquisição de terrenos, da forma como está sendo feita, estamos preocupados é com o esquema que está montado na câmara Municipal para venda de terrenos, daí que queremos alertar as instituições. Devo aqui dizer que já fizemos esta denúncia à Polícia Judiciária, para analisar como é que determinados terrenos são adquiridos, como é que as doações são feitas”, avisa.

Denúncias feitas hoje, por António Monteiro, em conferência de Imprensa proferida na sede do partido, no Mindelo.

Contactada, a Câmara Municipal de São Vicente remeteu uma reacção para mais tarde. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Lourdes Fortes, Rádio Morabeza,14 ago 2020 14:57

Editado porSara Almeida  em  14 abr 2021 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.