​“Câmara de São Vicente foi transformada em sede de campanha do MpD” – Alcides Graça

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,29 set 2020 11:43

Alcides Graça
Alcides Graça(Rádio Morabeza)

O presidente da Comissão Política Regional do PAICV em São Vicente denuncia a alegada instrumentalização da Câmara Municipal local, ao serviço da candidatura do MpD às eleições autárquicas de 25 de Outubro. Alcides Graça pede a intervenção da Comissão Nacional de Eleições (CNE).

Em conferência de imprensa proferida esta manhã, o responsável local do PAICV disse que a candidatura de Augusto Neves está a aproveitar-se da sua condição para fazer campanha com recursos e instrumentos da câmara. Graça aponta a instalação de um gabinete que trabalha as redes sociais da candidatura dentro da edilidade, recorrendo a funcionários da autarquia. Também acusa o presidente substituto Rodrigo Rendall e o vereador José Carlos de contratarem “generais de campanha” como funcionários da autarquia, o que terá aumentado a folha salarial em cerca de 50%.

“A câmara foi transformada numa sede de campanha do MpD. Dizemos isso porque todo o trabalho das redes sociais da candidatura do MpD está a ser feito a partir da Câmara Municipal de São Vicente. Inclusivamente foram deslocados funcionários da câmara para o gabinete que trata das redes sociais da candidatura do MpD, e esse funcionário é pago com os recursos de todos nós”, denuncia

“A câmara continua a contratar generais de campanha disfarçados de trabalhadores. A folha salarial cresceu, nos últimos 3 meses, em cerca de 50%. Tudo isto é feito pelas mãos do presidente substituto e do vereador José Carlos, sobe o comando do ex-presidente”, acusa.

O presidente da Comissão Política Regional do PAICV entende que tanto Rodrigo Rendall como José Carlos não estão a trabalhar para o município, mas sim para a candidatura do partido no poder. Alcides Graça considera que a situação coloca os outros partidos em situação de desvantagem. Por isso pede a intervenção da Comissão Nacional de Eleições.

“Pedimos a CNE que faça uma vistoria às instalações dos Paços do Concelho para confirmar o que estamos a denunciar. Pedimos também o afastamento imediato dos vereadores Rodrigo Rendall e José Carlos por serem candidatos à Câmara Municipal de São Vicente nas próximas eleições autárquicas, e que sejam substituídos por outros vereadores que não são candidatos”, pede.

Alcides Graça entende que a lei tem “uma zona cinzenta” que está a ser aproveitada pela candidatura do MpD à Câmara Municipal de São Vicente. Questionado sobre as provas que tem para estar a fazer tais denúncias, o responsável político diz que são informação que o seu partido tem de dentro da câmara, que devem ser investigadas pelo órgão superior da administração eleitoral.

O pedido formal para solicitar a intervenção da CNE deve ser feito ainda hoje. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,29 set 2020 11:43

Editado porSara Almeida  em  14 abr 2021 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.