PAICV - Orçamento 2020 não colmata as falhas do governo nos anos anteriores

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,26 nov 2019 15:52

Líder parlamentar do PAICV, Rui Semedo
Líder parlamentar do PAICV, Rui Semedo(Rádio Morabeza)

O Orçamento de Estado para 2020 não consegue dar nenhum sinal em como o governo irá cumprir as suas promessas e respeitar os compromissos com os cabo-verdianos. A afirmação é do líder parlamentar do PAICV, proferida em conferência de imprensa, esta manhã, em jeito de balanço das jornadas parlamentares.

Rui Semedo diz que as falhas do governo, em anos e orçamentos anteriores, não serão colmatadas com este orçamento.

"Este orçamento, este último da legislatura, não acautela a qualidade de vida dos cabo-verdianos, e não contribui para melhoria da situação das pessoas. Este orçamento, o último, que poderia dar uma contribuição para desagravar a situação fiscal, para diminuir os impostos na linha do prometido, também não consegue diminuir impostos para as pessoas singulares, para as famílias, não consegue aumentar o salário dos trabalhadores, fica longe das promessas feitas por ocasião das eleições, e neste sentido não melhora o poder de compra dos cabo-verdianos ", explica.

No que diz respeito ao debate com o primeiro-ministro, sobre “Juventude, qualificação e emprego”, Rui Semedo explica que o governo coloca apenas em cima da mesa os estágios profissionais.

"Não se tem cumprido com o número prometido em sede de orçamento do Estado, por outro lado os jovens que vêm tendo acesso aos estágios profissionais, não vêm tendo acesso aos empregos na sequência dos estágios profissionais. O PAICV considera que são estágios também mal remunerados e que o governo deve criar as condições para aumentar o subsídio que é atribuído aos estagiários para poderem ter rendimento para aumentar as suas condições de acesso ao mercado de trabalho ", avança.

A segunda sessão parlamentar de Novembro arranca esta quarta-feira, na Assembleia Nacional.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,26 nov 2019 15:52

Editado porSara Almeida  em  15 dez 2019 17:19

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.