PAICV quer sensibilizar governo para a "aflição" das famílias rurais

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,12 nov 2019 14:59

Líder parlamentar do PAICV, Rui Semedo
Líder parlamentar do PAICV, Rui Semedo(Rádio Morabeza)

O PAICV manifesta-se preocupado com a situação de "aflição" da população dos meios rurais, em todas as ilhas. A afirmação é do líder parlamentar do partido, Rui Semedo, proferida esta manhã, em conferência de imprensa realizada em jeito de balanço das jornadas parlamentares.

Rui Semedo diz que a população clama por medidas concretas, para fazer face às necessidade básicas, nomeadamente garantir acesso a alimentação para a família.

"Claramente há famílias que já não leva panela ao lume três vezes ao dia e outras ate se calhar tem grande dificuldades em levar a panela ao lume uma vez num dia, é nesse sentido que o debate tem uma pertinência especial e, em termos de resultados esperados, esperamos que o governo saia desse debate sensibilizado para tomar medidas imediatas para socorrer as populações do campo em todas as ilhas do país", explica. Isto, no âmbito do debate com o Ministro da Agricultura e Ambiente, Gilberto Silva, indicado pelo PAICV.

Durante a primeira sessão parlamentar de Novembro será ainda debatida a criação do Conselho de Finanças Públicas. Rui Semedo considera que o órgão poderá ser um instrumento importante.

"A questão central que deve ser vista em torno desta iniciativa legislativa é a garantia de autonomia e independência de um órgão desta natureza". Este é um órgão criado na lei de base do orçamento, cuja regulamentação e conteúdo funcional será agora analisado

"Para o grupo parlamentar do PAICV, a importância será atribuída na medida em que criarmos um órgão autónomo, de funcionamento independente e que poderá ter a liberdade de poder exercer as suas competências e os seus poderes", reitera.

A primeira sessão parlamentar de Novembro arranca esta quarta-feira, na Assembleia Nacional.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,12 nov 2019 14:59

Editado porSara Almeida  em  30 jul 2020 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.