Governo quer reformar funcionamento dos quartéis militares

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,7 jan 2020 15:09

Ministro da Defesa, Luís Filipe Tavares
Ministro da Defesa, Luís Filipe Tavares(Rádio Morabeza)

O Governo conseguiu mobilizar nos últimos três anos mais de oito milhões de dólares para modernizar as Forças Armadas. A afirmação é do Ministro da Defesa, Luís Filipe Tavares, que disse ainda que, em termos operacionais, o governo está a trabalhar para fazer reformas no funcionamento dos quartéis.

Estas declarações foram proferidas aos jornalistas, hoje, à margem da cerimónia de apresentação de cumprimentos de Ano Novo ao Presidente da República.

A tutela destaca algumas melhorias já implementadas, com impacto "nas condições de vida em geral dos soldados das três regiões militares" e explicita a mobilização de verbas para a reforma das FA.

"Através da cooperação internacional conseguimos mobilizar nos últimos dois, três anos, mais de oito milhões de dólares para modernizar a instituição militar. Vamos continuar a fazer esse trabalho", aponta, considerando que "esse trabalho fica muito facilitado" pelo facto do "ministro da Defesa ser também o Ministro dos Negócios Estrangeiros".

Na "melhoria das condições de funcionamento da nossa instituição castrense", Cabo Verde tem, pois, conseguido avanços muito importantes", na linha do que consta no programa do governo.

Por sua vez, o Chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, major-general Anildo Morais, disse que o ano de 2019 foi de grandes transformações e que os frutos começam a ser colhidos.

Ainda assim, a instituição continua com dificuldades operacionais.

"Naturalmente ainda carecemos de meios por exemplo de transporte táctico, transporte administrativo, etc. Estamos convictos de que 2020 já teremos esses meios nas Forças Armadas, tendo em conta de que já a China já disponibilizou um montante" para esse fim.

Assim, este ano, acredita o CEMFA, serão conseguidas as verbas necessárias para colmatar a carência não só ao nível de transportes como de meio de comunicação.

O Chefe de Estado-Maior das Forças Armadas também manifestou a sua satisfação com a aprovação do novo estatuto do militar, que institui uma nova grelha salarial. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,7 jan 2020 15:09

Editado porSara Almeida  em  18 jan 2020 17:19

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.