Cabo Verde regista dez casos de lepra por ano

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,24 ago 2021 12:29

Júlio Rodrigues, Jorge Barreto
Júlio Rodrigues, Jorge Barreto Rádio Morabeza

Cabo Verde regista ainda, actualmente, uma média anual de 150 casos de tuberculose. O número representa uma evolução significativa face à média anual de 400 casos registados até 2012.

Dados avançado à Rádio Morabeza pelo administrador executivo Instituto Nacional de Saúde Pública, Júlio Rodrigues, à margem de uma acção de capacitação para profissionais de saúde, sobre tuberculose e lepra, que decorre na Praia.

Júlio Rodrigues diz que Santiago é a região com maior número de casos de tuberculose, algo que também se deve ao facto de ser a ilha com mais população.

No que diz respeito à lepra, a prevalência é menor. Júlio Rodrigues avança que estão identificados casos na ilha de Santiago e Fogo.

"A lepra já foi um problema de saúde pública maior no passado. Há muito anos que que a lepra, em termos de números, diminui substancialmente, mas ainda temos vindo a registar casos esporádicos, sobretudo na ilha de Santiago e na ilha do Fogo. São, em média, registados dez casos anuais, mais ou menos. O maior número é na ilha de Santiago, e quando falamos de Santiago, estamos a falar essencialmente na Praia", avança.

A acção de capacitação sobre tuberculose e lepra tem por objectivo o reforço das capacidades dos profissionais de saúde e a promoção de uma participação e abordagem multissectorial.

A acção resulta de uma parceria entre o Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP) e o Programa Nacional de Luta contra a Tuberculose e Lepra.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,24 ago 2021 12:29

Editado porSara Almeida  em  23 set 2021 10:19

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.