Cadeia regional do Sal receberá condenados com penas superiores a oito anos

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,2 jun 2022 14:40

Ministra da Justiça, Joana Rosa
Ministra da Justiça, Joana Rosa Ministra da Justiça, Joana Rosa Rádio Morabeza

A elevação da cadeia regional do Sal à categoria de cadeia central tem como objectivo permitir que esta possa receber condenados com penas superiores a oito anos. A afirmação é da ministra da Justiça, que falava esta manhã, em conferência de imprensa, na cidade da Praia.

Joana Rosa garante uma gestão da população prisional em função daquilo que são as condições do estabelecimento prisional, exemplificando que "o recluso da Boa Vista que está a cumprir pena na Praia deveria hoje estar no Sal. O recluso do Sal condenado a mais de oito anos de cadeia, que hoje está na cadeia da Praia, deveria estar no Sal”.

“É isso que vamos fazer, não vamos aumentar o que temos no Sal”, garante.

A ministra frisa que apenas será feita a gestão à medida das vagas.

"Vamos reenviar esses reclusos do Sal que estão na Praia a cumprir pena, para que possam cumprir o restante da pena no Sal, perto da família, perto da comunidade e onde se possa trabalhar a reinserção social”, explica.

A ministra assume que não existe um número suficiente de agentes de segurança prisional, nem no Sal, nem nas outras cadeias do país.

"Temos neste momento um processo em concurso, já na fase final, vamos recrutar 50 agentes", comenta.

"Com o recrutamento que vamos fazer este ano, e de mais de 50 agentes no próximo ano, vamos resolver o problema que tem a ver com o número insuficiente de agentes em todo os estabelecimentos prisionais", antecipa.

Joana Rosa avança que o Governo vai recrutar mais psicólogos, assistentes sociais e um criminologista para todas as cadeias, independentemente de serem centrais ou regionais.

Sobre as declarações do deputado do PAICV, Démis Lobo, que considerou a elevação da cadeia do Sal à categoria de central uma medida “precipitada e ilegal”, a titular da pasta da Justiça responde que a abordagem é infeliz. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,2 jun 2022 14:40

Editado porAndre Amaral  em  2 dez 2022 23:28

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.