Ministra da Educação articula com comissões especializadas a aprovação em Outubro da lei da paridade

PorExpresso das Ilhas,6 ago 2019 7:03

A ministra da Família e Inclusão Social, Maritza Rosabal , articulou hoje, no primeiro encontro com as comissões da Lei da Paridade, as novas estratégias de advocacia com vista à votação da Lei em Outubro próximo.

Segundo a página oficial do Ministério da Família e Inclusão Social, o encontro permitiu articular com todos os intervenientes deste processo, para que a lei seja, de facto, aprovada no mês de Outubro e venha a promover a justiça social e a promoção do equilíbrio do género no país.

A mesma página salienta ainda que este processo teve inicio há dois anos após a entrega da Declaração de Rui Vaz, e dez meses de intenso trabalho com o ICIEG, Associações de Mulheres dos Partidos Políticos, ONG´s de Promoção de Igualdade de Género, ONU Mulheres e outras organizações parceiras.

O projecto da lei de paridade foi entregue, em Março deste ano, aos grupos parlamentares do MpD, PAICV e aos deputados da UCID.

*Sheilla Ribeiro (estagiária)

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,6 ago 2019 7:03

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  19 out 2019 23:21

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.