Fundo Soberano não será capitalizado com recursos do INPS - Governo

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,28 jan 2019 14:07

Olavo Correia
Olavo Correia(Rádio Morabeza)

O Governo garante que não vai utilizar os fundos do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS) para a capitalização do Fundo Soberano, garantia do ministro das Finanças, esta manhã, na Praia.

De acordo com Olavo Correia, o executivo tem uma solução "inteligente" para a capitalização do Fundo, no valor de 90 milhões de euros. O também vice-Primeiro-Ministro falava hoje, na capital, após uma visita às instalações da nova Agência Reguladora Multissectorial de Economia (ARME).

“Não há nenhuma utilização dos fundos do INPS. Temos uma solução inteligente para o efeito, com tranquilidade. O governo precisa de actuar a todos os níveis, um país não é construído apenas com micro empresas, ou com meras empresas, um pais é constituído através de um sistema económico que envolve as grandes empresas, as médias as pequenas e as micro”, explica.

O vice-Primeiro-Ministro e ministro das Finanças defende que é preciso um tecido económico que envolva empresas de todas as dimensões.

"Países exemplares em matéria de promoção das micro e pequenas empresas, como é o caso da Alemanha, que é um país onde são as grandes empresas que criam o mercado para as micro as pequenas e as médias. Portanto, temos que ter um tecido económico que envolve todas essas empresas, temos que ter instrumentos para actuar sobre as micro, sobre as pequenas, sobre as médias, sobre as grandes empresas. É esse o sistema que está em construção, para dotarmos o pais de um quadro que possa permitir que os talentos empresariais, os projectos empresariais bancáveis, possam ter acesso ao financiamento, e a partir dai possamos criar empregos, gerar rendimentos e criar melhores condições de vida em todas as ilhas de Cabo Verde", avança.

Sem dar mais detalhes sobre o Fundo Soberano, Olavo Correia garante que, na altura própria regressará ao assunto.

O Fundo servirá para aumentar o acesso ao crédito do sector privado. A forma como será capitalizado permanece uma incógnita. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,28 jan 2019 14:07

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  14 out 2019 23:23

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.